Ministério Público denuncia ex de Luiza Brunet por agressão contra a modelo

Processo seguirá para Justiça, que decidirá se empresário Lírio Parisotto se torna réu.

por Estado de Minas 26/07/2016 09:27

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Reprodução/TV Globo e Reprodução/Instagram
(foto: Reprodução/TV Globo e Reprodução/Instagram)

O Ministério Público de São Paulo denunciou o empresário Lírio Parisotto, de 62 anos, à Justiça por ter agredido a ex-esposa, Luiza Brunet, de 54 anos, em pelo menos duas ocasiões.

Além do caso denunciado pela atriz durante uma viagem do casal para Nova York, em maio deste ano, o documento ainda relata outra agressão, em dezembro de 2015, quando o empresário teria quebrado um dedo de Brunet. A denúncia agora será encaminhada para a Justiça, que decidirá se empresário Lírio Parisotto se torna réu.

Luiza relata que durante a viagem do casal a Nova York, o companheiro começou a se exaltar durante um jantar com amigos, quando o casal foi questionado se iria a uma exposição. Parisotto disse que não iria porque, da última vez, foi confundido com o ex-marido da modelo.

Ao voltarem para o apartamento onde estavam hospedados na cidade americana, Parisotto discutiu com a atriz e a atingiu com um soco no olho e chutes. Em seguida, ela diz ter sido derrubada no sofá e imobilizada violentamente, o que provocou a quebra de quatro costelas da atriz. Com os laudos médicos e fotos que comprovavam a agressão, a atriz entrou com representação contra o empresário.

Ele nega as acusações e chegou a dizer em sua conta no Instagram que ele é que teria sido vítima de agressões da atriz. No relato, ele diz que levou 10 pontos após briga em um barco.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO