Patrícia Abravanel pede desculpas por declaração homofóbica

''Eu não sou contra o homossexualismo [sic], mas sou contra falar que é normal'', disse ela no Programa do Silvio Santos

por Diário de Pernambuco 09/05/2016 16:09

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

SBT / Reprodução
(foto: SBT / Reprodução )
A apresentadora Patrícia Abravanel pediu desculpas, na tarde desta segunda-feira, pela declarações homofóbica feita ao vivo neste domingo, no Programa do Silvio Santos, comandado pelo pai dela. "Peço desculpa se ofendi alguém ontem no [quadro] Jogo dos pontinhos. Dei apenas minha opinião, mas fui mal interpretada. Sou a favor do amor do respeito e da tolerância", escreveu. A mensagem foi publicada no Instagram, como legenda de um coração.

Os comentários sobre relacionamentos entre pessoas do mesmo sexo foram provocados por Silvio Santos. Ele disse ter assistido ao filme Carol, sobre a história de amor entre duas mulheres, mas confessou não gostar. O dono da emissora, então, perguntou a opinião da plateia sobre "duas mulheres se amarem como um casal".

"Acho que a gente tem que ensinar para o jovem de hoje que homem é homem e mulher é mulher. E se por acaso ele tiver alguma coisa dentro dele que fale diferente, aí tudo bem. O que está acontecendo é que estão falando que tudo é bonito e o jovem acaba experimentando coisas que pode vir a se arrepender depois", opinou a apresentadora.

Em seguida, emendou: "Eu não sou contra o homossexualismo [sic], mas sou contra falar que é normal. E outra, mulher com mulher não é tão legal assim. Não tem aquele brinquedo que a gente gosta bastante". A opinião gerou grande repercussão negativa entre os internautas, que criaram a hashtag #AnormalÉTeuPreconceito.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO