Nova temporada de Game of thrones desvendará teorias em torno dos Sete Reinos

Sexto ano da série estreia neste domingo, agora sem livro em que se basear. Fãs constroem teses para negar a morte de Jon Snow e traçam o futuro de personagens

por Mariana Peixoto 23/04/2016 08:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
HBO/TV STILL/Divulgação
(foto: HBO/TV STILL/Divulgação)

Jon Snow está morto, afirma a HBO. Jon Snow não morreu, respondem, em coro, os fãs de Game of thrones. Um viva a Jon Snow é o que se pode dizer sobre o “bastardo de Winterfell”. Um dos protagonistas da série de TV com maior audiência desta década – e a maior audiência da história do canal pago – foi abatido de forma violenta no fim da quinta temporada da saga, em 2015.


Seu assassinato (ou tentativa) movimentou meses de discussão na internet até a estreia mundial do sexto ano, hoje, às 22h. A sinopse divulgada pelo próprio canal confirma a morte do personagem. Só que, pela primeira vez desde a estreia da produção, não há mais livro de George R. R. Martin em que se basear. Desta maneira, os criadores da série, David Benioff e D. B. Weiss, vão seguir com a história por conta própria (e são previstas mais duas temporadas além desta). Resumindo: não há mais spoiler.

A internet, essa grande fazedora de teorias da conspiração, pulula delas. As mais populares colocam Jon Snow vivinho por algumas razões. Entre elas, a de que ele seria um Targaryen, os legítimos herdeiros do Trono de Ferro. Não seria filho de Ned Stark, mas da irmã dele, Lyanna Stark, com Rhaegar Targaryen, irmão de Daenerys.

(Macall B. Polay/HBO/Divulgação
Na bolsa de apostas, Daenerys (esq) é apontada como irmã de Jon, enquanto crescem as expectativas de que Arya Stark vire uma potente assassina (foto: (Macall B. Polay/HBO/Divulgação)

Uma outra teoria dá conta de que o personagem interpretado por Kit Harington na TV tampouco poderia morrer porque ele é irmão de Daenerys. Dessa maneira, os dois teriam um papel fundamental no desfecho da narrativa. E o título da saga, As crônicas de gelo e fogo, seria uma referência aos dois (ele o gelo, ela a fogo).

Outro personagem querido dos fãs, o anão Tyrion Lannister, ganhou sua própria teoria. Ele também seria um Targaryen. O ódio que a irmã Cersei tem pelo caçula seria ainda motivado por isso. Tyrion seria filho de Joanna Lannister com o Rei Louco, Aerys Targaryen. Leitores mais atentos da obra de Martin dão conta de que ele chega a mencionar que o soberano era obcecado por Joanna, além de descrever Tyrion de forma bastante semelhante a Daenerys, com cabelos “quase brancos”.

Fato é que de amanhã até os próximos 10 domingos essas teorias poderão (ou não) se confirmar. Ou podem ficar até as temporadas de 2017 e 2018. O que é incontestável é a influência da história criada por George Martin. O Estado de Minas ouviu três autores de literatura fantástica que participaram da Bienal do Livro de Minas, ao longo da última semana. Cada um tem sua própria teoria. E, olhando de perto, algumas ideias até fazem sentido.

Para relembrar o fim do quinto ano

Derradeiro episódio da quinta temporada de GoT, Mother’s mercy foi marcado pelo início da guerra entre Stannis e a casa Bolton em Winterfell e pela morte de Jon Snow, o personagem mais importante a deixar a série. No Norte, a trama principal foi o avanço das tropas de Stannis, que foram neutralizadas antes de chegar a Winterfell. Ele foi encontrado e atacado por Brienne, mas sua morte, assim como muitas tramas do capítulo final, não foi resolvida.

Enquanto isso, Sansa conseguiu escapar de Winterfell com a ajuda de Theon. Cersei Lannister decidiu confessar seus pecados e foi absolvida. Mas, para isso, teve que caminhar nua e com os cabelos cortados pelas ruas de King’s Landing enquanto era atacada pela população com lixo e fezes. Já em Dorne, Myrcella revelou a Jaime que sabia que era filha dele, para logo depois morrer envenenada por Ellaria. Já em Braavos, Arya matou Meryn Trant para se vingar, mas aparentemente perdeu a visão. Ao final, a cena mais polêmica. Jon Snow foi traído pelos patrulheiros na Muralha, esfaqueado e aparentemente assassinado.

GAME OF THRONES
A estreia da sexta temporada será amanhã, às 22h, na HBO e no Cinemax. O sinal da HBO está aberto para não assinantes do canal pago


Washington Alves/Lightpress
(foto: Washington Alves/Lightpress )
TRONO EM BH


Uma réplica do disputado Trono de Ferro, o assento dos reis dos Sete Reinos, é uma das atrações da Bienal do Livro de Minas. O estande da Leya, editora que publica a saga de George Martin no Brasil, está reunindo fãs de Game of thrones para uma foto no trono. “Estou com muita expectativa para o próximo livro. O trailer da próxima temporada da série trouxe muitas informações, quero saber o que vai acontecer”, afirmou a fã de Jaime Lannister Isadora Rocha (foto), de 16 anos, estudante do ensino médio em Itaúna, durante visita à Bienal. O evento termina amanhã,no Expominas – Avenida Amazonas, 6.030, Gameleira. Visitação das 10h às 22h. Ingressos: R$ 12 e R$ 6 (meia).

 Um desfecho para chamar de seu

“Realmente, estou esperando o Jon Snow se juntar com a Daenerys e acabar com tudo aquilo. Também acho que o Tyrion deveria virar rei. Sei que não tem como isso tudo acontecer, mas acredito que o Jon Snow vai voltar como um caminhante branco. Falo isso porque, em um dos livros, Catelyn Stark (morta no casamento vermelho) volta como lady Stoneheart (o que não ocorreu na série), uma zumbi que quer vingança. Então é possível. Ainda acho que a Cersei vai sobreviver até o final, já que sem ela a história perde muito da figura que amamos odiar. Deve ter uma queda, ser exilada. Sobre os Stark, a Arya deve se tornar uma superassassina; a Sansa deve começar a ser uma jogadora influente, deixando de ser um peão do Mindinho; e o Bran vai voltar num papel muito maior, muito envolvido com o sobrenatural.”
>> Jim Anotsu, de 26 anos, autor de A espada de Herobrine e A vingança de Herobrine, entre outros

“A questão crucial é sobre o Jon Snow e estou curioso para ver o que vão fazer. Há algumas teorias da conspiração rodando a internet sobre os livros. Uma amiga minha diz que o cara (George Martin) já teria terminado, mas que como tinha um contrato com a HBO, esperaria a série, pois seria lucrativo. Para ser sincero, gosto da história, mas acho a forma como o Martin escreve meio rasa. Os dois últimos livros me irritaram muito, são enormes e nada acontece. É difícil prever o que vai acontecer, mas a teoria mais popular é de que o Jon Snow seria filho da irmã do Stark. Acho que a Arya vai virar uma assassina mesmo, ainda mais porque ela tem uma lista de caras para vingar. E não sei se vão seguir com essa história de que quem vai reinar serão o Jon Snow e a Daenerys, que seriam o gelo e o fogo do nome da série.”

>> Fábio Kabral, 35 anos, autor de Ritos de passagem

“Acho que o Jon Snow não morreu. No último episódio (da quinta temporada), a Melisandre chegou à muralha antes de ele ser assassinado. E existe um sacerdote vermelho que já trouxe de volta um cavaleiro que morreu. Então, a Melisandre (também uma sacerdotisa vermelha) pode trazer o Jon Snow de volta. Se trouxer, o juramento dele enquanto cavaleiro da muralha (que exige o celibato) não vai valer mais. Livre do juramento, ele poderia se juntar à Daenerys para assumir os Sete Reinos. E como Jon Snow ainda tem o apoio da maioria dos soldados da muralha e também dos selvagens, ele poderia comandar os dois exércitos contra os caminhantes brancos.”
>> Zeca Machado, 50 anos, autor da série A chave dos mundos

 

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO