Fox vai produzir primeira série de comédia nacional, 'Nem vem que não tem'

Produção, com 14 episódios, terá elenco de peso, com destaque para veteranos da televisão como Diogo Vilela, Pedro Paulo Rangel e Françoise Forton

18/04/2016 09:49

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

João Miguel Júnior/Divulgação
Diogo Vilela está no elenco da série (foto: João Miguel Júnior/Divulgação)
O ritmo é intenso e o elenco é de peso. O canal pago Fox aposta suas armas em Nem vem que não tem, primeira série de comédia nacional produzida pela Fox Networks Group Brasil e prevista para estrear no segundo semestre na emissora. Os atores escolhidos foram Rodrigo Pandolfo, Diogo Vilela, Françoise Forton, Pedro Paulo Rangel, Wagner Santisteban, Victor Sarro, Juliana Schalch, Flávia Garrafa e Elisa Volpatto. A direção é de André Pellenz, conhecido por dirigir o longa Minha mãe é uma peça e o programa 220 volts, do Multishow.


"A possibilidade de trabalhar comédia com consistência dramatúrgica e a confiança deles em um modelo mais autoral fazem com que o desafio artístico seja verdadeiro. Toda a equipe e o elenco sentem estar em um trabalho nos moldes do que gostamos de ver e admiramos na TV brasileira e mundial", diz Pellenz, que, além de ser o diretor-geral, também é o autor da série, ao lado de outros quatro roteiristas.


A história gira em torno de Sérgio Henrique, vivido por Rodrigo Pandolfo, um ex-atleta olímpico que, aos 35 anos, se vê em um momento difícil. Está desempregado, foi traído e largado pela esposa. Morador do Rio de Janeiro, ele resolve voltar a viver em São Paulo com os pais, Maurício, persongem de Diogo Vilela; e Hercília, de Françoise Forton. A partir daí, a nova vida de solteiro vai lhe reservar muitas surpresas.


"Estou adorando fazer esse personagem. Valeu a pena aceitar o convite e trabalhar com esse elenco e com o André Pellenz, que é o cara!", anima-se Diogo Vilela, que, além da série, passa a se dedicar ao teatro a partir de maio, quando volta aos palcos com o musical Cauby, Cauby!.


As gravações da série ocorrem na cidade de São Paulo. Tudo acontece em seis cenários fixos, distribuídos em dois estúdios. Locações externas também são utilizadas. Nem vem que não tem terá 14 episódios de meia hora de duração cada um. "A série mostra situações corriqueiras da vida de qualquer pessoa, porém, de forma leve e divertida", afirma o diretor de conteúdo da Fox Networks Group Brasil, Zico Goes.


Para Pellenz, a produção despertará interesse por trabalhar com um humor mais elaborado. "Acredito que o público está muito interessado em ver comédia com história, personagens, enfim, humor com boa dramaturgia. O acabamento de primeira linha e o elenco excepcional nos dão a certeza de que teremos um bom resultado", diz.



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO