BBB16: Ana Paula justifica tapa em Renan em entrevista

No Mais Você, na manhã desta segunda-feira, a jornalista falou da morte da mãe

por Diário de Pernambuco 07/03/2016 11:05

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
TV Globo/Divulgação
Ana Paula deu entrevista ao Fantástico e ao Mais Você (foto: TV Globo/Divulgação)
Ana Paula foi o assunto do fim de semana após expulsão do Big Brother Brasil 16. A relevância da ex-participante no reality show se provou com texto de eliminação em forma de homenagem na edição do sábado e entrevistas no Fantástico e no Mais Você, nesta segunda-feira. Na participação no programa de Ana Maria Braga, a jornalista mineira sustentou as críticas aos adversários Renan e Adélia.

A ex-sister foi desclassificada depois de dar dois tapas em Renan na festa da madrugada do sábado. "Não sou de bater em ninguém. Eu queria irritar os dois [Renan e Adélia]. E principalmente o Renan. Pensei, ou ele me indica ou me indica. Entrei na festa para ele ter vergonha de indicar a Munik", justifica.

Ana Paula relembrou quando começou a antipatia pelo modelo. Ao ser eliminada no paredão do bem - aquele que o participante não sai da casa e tem acesso às imagens do confinamento -, ela viu Renan falando mal dela. Segundo o Gshow, Ana Paula ainda falou sobre os boatos de que ele era gay nos bastidores do programa. "Não sabia dos boatos de que ele era gay. Conversei muito pouco com ele e não tinha como observar trejeitos e nem nada. Chamava Renan de 'querida' só para irritar, porque ele se achava muito. Mas, qual o problema de ser gay? Ser gay é lindo e bárbaro e se ele for, que assuma logo para poder aproveitar o mais rápido possível", disse.

Amada e odiada pelo público, Ana tem um temperamento forte e explosivo. "Por falar demais eu perco a razão, as pessoas mais próximas dizem, 'deixa ela morrer sozinha' e me abandonam", desabafou. Ainda no Mais você, ela fez correlação com o jeito agressivo à morte da mãe.

Fato inédito na trajetória do programa, ela foi a primeira participante a ser eliminada por agressão. Fora da casa, a mineira afirma que gostaria de ver Ronan, Munik e Geralda na final do programa, mas quer que o estudante de filosofia vença o prêmio de R$ 1,5 milhão.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO