Em depoimento, mulher conta como foi agredida pelo ator Emile Hirsch

"Eu não estou bem com o que aconteceu. Foi insanamente doloroso e absolutamente terrível", contou em depoimento

por Correio Braziliense 03/07/2015 19:34

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
AFP
(foto: AFP)
Seis meses após o Sundance Film Festival e duas audiências depois, a agência de notícias Associated Press obteve os detalhes do depoimento de Daniele Bernfield, que trabalha como executiva de um estúdio, no qual diz ter sido agredida pelo ator Emile Hirsch, conhecido por seus papéis em filmes como Milk - A voz da igualdade e Show de vizinha. Segundo o documento da AP, o jovem teria a teria "estrangulado, arrastado pela mesa e lançado o corpo dela no chão". A executiva estava temerosa em falar do caso na noite do suposto crime, principalmente pelo trabalho dela e pela fama de Emile. No entanto, no dia seguinte, o nome dela já havia vazado. "Eu não estou bem com o que aconteceu. Foi insanamente doloroso e absolutamente terrível", contou em depoimento. Já na versão do ator, "ela começou a causar um tumulto e eu meio que comecei a intervir e isso aconteceu. Eu não acho que foi muito mais que isso para ser honesto. Acho que ela veio para cima de mim e eu provavelmente me defendi", disse. O ator foi interrogado e algemado na noite do incidente, mas depois foi solto já que nenhum boletim de ocorrência foi feito no dia. No depoimento, Hirsch disse que tomou cerca de quatro drinques, mas que não se lembrava do que havia ocorrido. Ele já compareceu a duas audiência sobre o caso. Um terceiro julgamento está marcado para agosto.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO