David Letterman faz nesta quarta a última edição de seu talk show

Apresentador encerra 33 anos de carreira na TV americana. Sua saída deixa o formato dominado por apresentadores de tom mais suave e menos incisivo

por Mariana Peixoto 19/05/2015 08:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
KEVIN LAMARQUE/REUTERS
(foto: KEVIN LAMARQUE/REUTERS )
“Depois que Dave se aposentar, não sobrará ninguém de quem sentirmos medo.” Não haveria como Tina Fey fazer um elogio a David Letterman se não houvesse humor. Prevendo que, a partir de agora, os talk shows da programação noturna da TV norte-americana “vão ser só simpatia”, a comediante disse adeus a Letterman com um já antológico striptease em frente às câmeras do 'Late show', no início deste mês. Aos 68 anos, Letterman se despede nesta quarta-feira do programa, que leva seu nome há 33. Primeiramente com o 'Late night', que estreou em 1982 na NBC e, desde 1993, com o 'Late show', na CBS, ele se aposenta depois de seis mil edições do talk show noturno.

 

Deixa o posto após receber todas as honrarias possíveis. Vem protagonizando um beija-mãos estelar: Barack Obama, Oprah Winfrey, Bill Clinton, George Clooney, Robert Downey Jr., Jerry Seinfeld...

Ontem, seria a vez de Tom Hanks, que completou 60 participações nos programas de Letterman. Hoje é a noite de Bill Murray (44 idas ao talk show), o primeiro convidado do apresentador em sua estreia, nos anos 1980, no 'Late night'. Já as atrações desta quarta, o último dia, são mantidas em suspense pela CBS.

Exibido atualmente no Brasil pela Record News, o programa vai ao ar no país com dois dias de atraso em relação à exibição original. Assim, maneira, a derradeira edição deverá ser apresentada nesta sexta-feira, às 22h30.

Letterman será substituído por Stephen Colbert (que apresentou até dezembro, no canal Comedy Central, a sátira 'The Colbert report'). A nova versão do 'Late show' estreia em setembro.

Letterman afirmou recentemente que nunca pensou que iria se aposentar. Acreditava que sofreria um impeachment. A autodepreciação sempre fez parte do pacote, como escreveu o jornalista Richard Zoglin em recente artigo no The New York Times.

FORMATO Ele vai embora deixando como marca a conversa, sempre espontânea, genuína e levada com seriedade. Não inventou o formato, mas colaborou, ao lado de Johnny Carson, seu grande modelo, e Jay Leno, seu maior rival, para que os programas noturnos se tornassem uma instituição norte-americana.

O formato nasceu com o 'Tonight show', na NBC (ainda no ar, hoje comandado por Jimmy Fallon), em 1954. Foi Carson quem fez a popularidade dos chamados late-night talk shows crescer, nos anos 1960 e 1970.

E foi ainda Carson o mentor de Letterman. Ex-homem do tempo, ele abandonou a Indianapolis natal rumo a Los Angeles nos anos 1970. Logo envolveu-se com um grupo de comediantes, começou a escrever roteiros para séries de TV e a participar de alguns deles. Devido à predileção de Carson, não demorou a se tornar regular do 'The tonight show' starring Jimmy Carson.

Em 1980, já em Nova York, ganhou seu próprio programa, ainda matutino. 'The David Letterman show', da NBC, foi um sucesso de crítica, mas a parca audiência não conseguiu que durasse mais do que alguns meses. A estreia definitiva só ocorreu dois anos mais tarde, com o Late night.

O modelo, ao longo das três décadas, não mudou muito. Com Nova York ao fundo (o programa atual é realizado no Ed Sullivan Theater, em Manhattan), ele dá início à atração comentando as principais notícias do dia. Na sequência, há quadros que se tornaram bem populares.

Nesta seara, ninguém suplantou o ex-presidente George W. Bush, que “protagonizou” quadros como “George W. Bush joke that’s not really a joke”, “George W. Bush – What?”, e “Great moments in presidential speeches”. Neste último, discursos de outros ex-presidentes eram completados com alguma resposta ou gesto estúpido do ex-mandatário republicano.

Só dali em diante aparecem os entrevistados, geralmente dois, e números musicais.

Ao longo do caminho, Letterman foi pivô de algumas polêmicas. Madonna, em 1994, fez tudo o que quis no programa. Disparou um sem-número de palavrões, fumou charuto, deu uma calcinha de presente ao apresentador e não se furtou a fazer insinuações sexuais. Letterman chegou a pedir desculpas à plateia.

Em 2009, ele fez piadas de conteúdo sexual com Willow, então com 14 anos, filha da governadora do Alasca Sarah Palin. A reação foi tão intensa, incluindo uma possível manifestação de partidários da republicana, que ele teve que se desculpar.

Aos 68 anos, Letterman parece conformado com a hora de parar. Admitiu ao The New York Times que, depois que Leno se aposentou (em 2014), ele se viu sozinho. “De repente, estava cercado de Jimmys.” É uma referência às atuais estrelas dos talk shows noturnos, os quarentões Jimmy Fallon e Jimmy Kimmel, que comandam programas leves e com muita referência na internet. Simpáticos apenas, para voltar às palavras de Tina Fey.


Joaquin, sinto muito por você não ter podido estar aqui esta noite”
>>  foi o que Letterman disse ao ator Joaquin Phoenix, depois de uma bizarra entrevista em 2009 em que o ator disse que estava largando a carreira para se tornar um rapper

Se você não acreditava nisto antes e é fácil entender como você poderia ter sido cético a respeito disto –, se você não acreditava nisto antes você pode acreditar absolutamente agora: Nova York é a maior cidade do mundo”
>> disse Letterman em seu primeiro programa após os ataques de 11 de setembro de 2001

O que você achou da cadeia?”
>> perguntou Letterman a Paris Hilton após um período da socialite na prisão, em 2001

CURIOSIDADES DO LATE SHOW

. 6.028 programas (de 1982 a 1993 na NBC e de 1993 a 2015 na CBS)
. Late night with David Letterman (NBC) foi ao ar por 595 semanas
. The late show with David Letterman (CBS) foi ao ar por 1.135 semanas
. Bill Murray foi o primeiro convidado da estreia dos programas de Letterman na NBC (1º/2/1982) e na CBS (30/8/1993)
. Os talk shows de Letterman receberam 16 Emmy Awards (112 indicações ao mais importante prêmio da TV norte-americana)
. Até o último programa, o apresentador terá recebido 19.932 convidados

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO