Michael Jackson é acusado de pagar pelo silêncio de crianças vítimas de abuso sexual

Justiça da Califórnia recebe acusações de supostas vítimas, com 32 e 36 anos

07/04/2015 20:11

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

VINCENT AMALVY/AFP/Getty Images
(foto: VINCENT AMALVY/AFP/Getty Images)
Seis anos depois de sua morte, o cantor Michael Jackson está, novamente, envolvido em acusações de pedofilia. Segundo o site inglês Daily Mail, a justiça de Los Angeles teria até esta terça-feira, 7, para decidir se acusações do coreógrafo australiano Wade Robson, de 32 anos, e do americano James Safechuck, de 36 anos, iniciarão um processo judicial. Os dois afirmam terem sido abusadas sexualmente diversas vezes pelo cantor quando eram crianças.


Os advogados envolvidos no caso teraim informado que, se o processo tiver continuidade, mais casos de abuso comentidos pelo Rei do pop devem vir à tona. Em vida, o cantor teria pago mais de US$ 200 milhões para silenciar vítimas. Em 1993, com o caso Jordan Chandler, que fez a primeira acusação contra Michael, o cantor teve que desembolsar 40 milhões de dólares. Depois da sua morte, Jordan acabou confessando que teria sido forçado pelos pais a mentir

Segundo declarado por Robson e Safechuck, as provas levadas pelos dois ao tribunal serão o suficiente não só para apontar novas vítimas, mas também para trazer de volta o caso Jordan.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO