Com fenômeno Paolla Oliveira, 'Felizes para sempre?' chega ao fim nesta sexta

Cenas de sexo e locações em Brasília foram pontos altos da obra de Euclydes Marinho

por Fernanda Machado Agência Estado 06/02/2015 11:42

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

TV Globo/Reprodução
Na pele da prostituta Danny Bond, Paolla Oliveira roubou a cena em minissérie (foto: TV Globo/Reprodução)
Não demorou muito para 'Felizes para Sempre?' decolar. Após uma estreia morna, restrita à apresentação dos personagens, a minissérie, que termina nesta sexta, 6, na Globo, mostrou a que veio nos episódios seguintes. Pontuada por cenas de sexo, que conseguem mexer com a libido do telespectador sem serem explícitas, a trama escrita por Euclydes Marinho teve o mérito de manter uma história com consistência em 10 dias.

 

Veja fotos de Paolla Oliveira como Danny Bond

 

A ligação entre cinco casais em crise, por razões distintas, tomou rumos interessantes e nem sempre óbvios que fizeram valer a pena acompanhar a produção diariamente. O drama dos personagens, que alternam o sofrimento causado por questões que os incomodam naquele momento da vida - em geral, a insatisfação com seu par - com a vontade de realizar imediatamente sonhos e planos, foi mostrado de maneira dinâmica. Entretanto, a trama também poderia ter sido desenvolvida em um número menor de episódios.

Um ponto alto da minissérie foi a diferença estética que ela tem em relação aos produtos de teledramaturgia da emissora, feitos em outro ritmo por serem diários e ficarem no ar durante meses. O toque cinematográfico do diretor geral Fernando Meirelles, que dividiu a função com Paulo Morelli, Luciano Moura e Rodrigo Meirelles, deu elegância à produção.

 

As imagens aéreas de Brasília, feitas com drones, marcaram respiros importantes na trama sem comprometer o interesse de quem assistia sem saber o que iria acontecer na cena seguinte.

O destaque das interpretações fica, sem dúvida, para Enrique Diaz. Na pele do empresário picareta Cláudio, que desvia verbas, destrata os irmãos e trai a mulher sem comedimento, o ator incorporou a personalidade de um mau caráter cínico. A naturalidade e rapidez das tiradas ao reagir aos outros dão a impressão de que ele foi um acerto para um papel no qual Rodrigo Santoro foi cogitado.

Entretanto, quem mais causou comoção entre o público foi Paolla Oliveira. Ao mostrar os atributos físicos por poucos segundos, na pele da garota de programa Danny Bond, a atriz virou sensação nas redes sociais. A imagem de seu derrière deixou a paulistana no topo da lista de assuntos mais comentados no Twitter.

TV Globo/Reprodução
Personagem de Maria Fernanda Cândido se rendeu aos encantos da garota de programa (foto: TV Globo/Reprodução)
No que diz respeito à audiência, Felizes para Sempre? teve desempenho bom, sem ser extraordinário. No Ibope, variou de 14 a 20 pontos. Na Grande SP, cada ponto equivale a 67 mil lares. Em formato semelhante, Amores Roubados, exibida no ano passado também em janeiro, oscilou de 25 a 31 pontos, mas teve a vantagem de ter sido exibida na sequência da novela das 9 em sua primeira semana no ar. A minissérie atual chegou depois da estreia do Big Brother Brasil e pega uma fatia menor do público que vai dormir mais tarde. Apesar do ‘Quem matou?’ anunciado antes da estreia de Felizes para Sempre?, é no capítulo de hoje que um asssassinato vai movimentar ainda mais a história.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO