Sucesso dos anos 1990, série 'Três é demais' pode ganhar nova temporada

Warner cogita reviver programa que lançou as gêmeas Mary-Kate e Ashley Olsen, aponta revista

por Fernanda Machado 27/08/2014 17:58

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

ABC/Divulgação
Reprises recentes da série acumularam média de 1,5 milhão de espectadores nos EUA (foto: ABC/Divulgação)
Sucesso estendido por oito anos na TV norte-americana, o seriado 'Três é demais' ('Full house' nos EUA) pode voltar às telas. De acordo com a publicação Variety, especializada em entretenimento, produtores da Warner Bros. cogitam reviver a trama, originalmente centrada nas situações divertidas vividas por um viúvo com três filhas. No Brasil, o programa foi ao ar pela última vez no SBT/Alterosa, entre fevereiro de 2013 e o último mês de maio.

 

Exibida originalmente entre 1987 e 1995, a atração foi responsável por alçar ao estrelato as gêmeas Ashley e Mary-Kate Olsen — ambas interpretavam a caçula Michelle na trama. John Stamos, ator de 'Plantão médico' que viva o tio das crianças em 'Full house', declarou ao canal Bravo que a trama pode ser retomada com alterações drásticas no roteiro. "Nós meio que estamos trabalhando em uma sequência com reviravolta", declarou o intérprete de Jesse.

 

As fontes da Warner citadas pela Variety mencionam a possibilidade de parte do elenco original retornar à produção, apesar do projeto ainda estar em fase de rascunho. Recentemente, o canal pago Nick at Nite divulgou que suas reprises para 'Três é demais' concentram em média 1,5 milhão de telespectadores.

ABC/Divulgação
'Três é demais' foi ao ar no Brasil pelo SBT/Alterosa até o último mês de maio (foto: ABC/Divulgação)
 



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO