Novela Pecado Capital voltará à telinha pelo canal Viva em novembro

Trama conta história do taxista José Carlos Moreno, interpretado por Eduardo Moscovis, que não sabe o que fazer com uma mala com R$ 2 milhões deixada no táxi

por Agência Estado 30/07/2014 14:48

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
TV Globo / Reprodução
Carolina Ferraz e Eduardo Moscovis estrelam a trama (foto: TV Globo / Reprodução)
O remake da novela Pecado Capital voltará à telinha em 10 de novembro, no canal Viva. Uma das grandes histórias de Janete Clair (1925-1983), levada ao ar originalmente em 1975, no horário das oito, estrelada por Francisco Cuoco e Betty Faria, foi reescrita por Glória Perez em 1998. Glória comumente é chamada de "herdeira" de Janete, uma das grandes autoras brasileiras de todos os tempos. Pecado Capital substituirá a novela de Manoel Carlos, História de Amor, às 15h30, de segunda a sábado, e também será reprisada no horário alternativo de 1h, de terça-feira a domingo. Com direção de Wolf Maya - parceiro de Glória Perez em diversos trabalhos na TV Globo -, Pecado Capital conta a história do taxista José Carlos Moreno, o Carlão, interpretado por Eduardo Moscovis, que não sabe o que fazer com uma mala com R$ 2 milhões deixada no táxi dele por um grupo que assaltara um banco. Moscovis compõe - assim como Francisco Cuoco na novela original - um tipo popular de homem honesto carismático e de bom coração, que fica fascinado diante da possibilidade de ascender socialmente - mesmo que, para isso, tenha de passar por cima de algumas regras morais. Partindo desse mote do dinheiro fruto de assalto, esquecido no carro de um homem de bem, muita correria e muitos encontros e desencontros ocorrerão. Inclusive entre atores protagonistas, como foi o caso de CarolinaFerraz - a Lucinha, noiva do taxista, personagem vivido por Betty Faria na primeira versão -, que teria se recusado a beijar Francisco Cuoco. O Carlão da novela de 1975 interpreta no remake o empresário Salviano Lisboa, com quem Lucinha, de acordo com a trama original, deveria iniciar um romance depois de terminar o noivado em consequência das crises de ciúme do taxista. Glória Perez teve de mudar tudo, inclusive o final da novela, arrumando um novo amor para Salviano e chamando às pressas a atriz Vera Fischer para viver a sensual e independente Laura. Cuoco declarou, depois de encerradas as gravações, que "foi uma experiência ruim" na vida dele, o que o levou até a procurar a ajuda de uma analista. Já Carolina disse à imprensa que "profissionais maduros devem resolver seus próprios problemas". De qualquer modo, o remake de Glória Perez não alcançou os índices de audiência esperados para o horário emque foi exibida, às 18h. O Ibope registrou, na estreia em 5 de outubro de 1998, 38 pontos de média e 44 pontos de pico. No segundo capítulo, baixou para 32 pontos de média e foi caindo até estacionar em 25 pontos. A partir de fevereiro de 1999, a audiência, segundo o Ibope, variou entre 25 e 34 pontos, chegando a ter umdesempenho mais fraco do que a reprise de "O Rei do Gado", na mesma época, em "Vale a Pena Ver de Novo". O elenco de "Pecado Capital" contou, ainda, com Paloma Duarte, na pele da adolescente rebelde Vilminha, quena versão original fora defendida por Débora Duarte, mãe de Paloma. O veterano Mário Lago fez o mesmo personagem que interpretou na produção de 1975, um advogado, o doutor Amato. Também estão na novela Eri Johnson,Pedro Paulo Rangel, Thiago Lacerda, Marcelo Serrado, Alexandre Borges e Tato Gabus Mendes.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO