Ativista brasileira que ficou presa na Rússia aparece em foto de biquíni na Playboy

Objetivo da imagem é ganhar repercussão para um futuro ensaio nu na revista, que bancaria a construção de um abrigo para animais

por Fernanda Machado 10/03/2014 10:49

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Andre Sanseverino / Divulgação
(foto: Andre Sanseverino / Divulgação)
A capa do mês de março da revista Playboy pode até ser a coleguinha do Caldeirão do Huck Mari Silvestre, mas quem promete 'causar' nas páginas da publicação é Ana Paula Maciel. Para quem não se lembra, Ana Paula é a bióloga e ativista do Greenpeace que passou três meses presa na Rússia após participar de um ato em defesa do meio ambiente, a bordo do navio quebra-gelo Artic Sunrise.

 

Depois de ser libertada, em dezembro de 2013, Ana pensou em um novo projeto: posar nua para a Playboy. A revista vai publicar então uma foto da moça de biquíni e, dependendo da repercussão dessa foto, bancar um ensaio nu da ativista em uma próxima edição.


Mas o ensaio tem uma boa intenção. Ana Paula quer usar o cachê para financiar um santuário para animais vítimas de tráfico ilegal.



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO