Aprenda fazer um folhado de camarão e dê um toque de classe na Páscoa

Sinta-se um expert da cozinha e anote a receita requintada do chef Rodrigo Barcellos, da histórica Tiradentes

12/04/2017 10:37
Marcos Michelin/EM
Preciosidade da cozinha internacional, o folhado é fácil de fazer e bastante saboroso (foto: Marcos Michelin/EM)
Sob a luz dos lampiões e a leve neblina que, no outono, invadem a paisagem, o clima de romance floresce em Tiradentes. Por esse motivo, é eleita destino de lua-de-mel de muitos casais apaixonados e, não raro, se mostra como cenário para o que brotem histórias de amor. Nessa atmosfera, alguns restaurantes da cidade são mais do que simplesmente palco de encontro a dois, eles são elementos fundamentais para que o romantismo apareça. Um deles é o Santo Ofício, uma pequena e aconchegante casa, onde o clima intimista e a iluminação à luz de velas sugerem que o momento seja perfeito. No cardápio, brilha a cozinha criativa internacional, com folhados de frutos do mar, saladas bem elaboradas, salmão grelhado com ervas, massas, risotos e outras artimanhas do chefe Rodrigo Barcellos, que, com a mulher, Ana Carolina Comini, comanda tudo. Segundo Carol, a história de nove anos do restaurante também é fruto de paixões: uma pela cozinha e outra pela cidade. "Morávamos em BH e tínhamos uma fábrica de embalagens. Largamos tudo e viemos para cá. Uma opção de vida mesmo", conta. Enquanto o marido cuida da criação dos pratos, Carol se dedica à decoração ao preparo das sobremesas. Casamento perfeito que satisfaz os paladares e inspira.

Ingredientes:

• 1 rolo pequeno de massa folhada pronta (300 g)
• 500 g de camarão médio
• 250 ml de molho branco pronto
• 1 latinha (140 g) de massa de tomate
• 100 ml de azeite extra virgem
• 2 dentes de alho grandes bem picados
• 1 bisnaga de catupiry de 250 g
• 1 gema de ovo para pincelar
• Sal, pimenta-do-reino, tomilho, noz-moscada e cheiro-verde a gosto

Como fazer folhado de camarão


Temperar os camarões, já limpos, com sal e pimenta-do-reino. Reservar. Numa frigideira grande, refogar o alho no azeite. Antes que comece a dourar, pôr os camarões e retirar do fogo depois de cerca de três minutos. Com uma colher, retirar a água que soltou do camarão. Bater a água no liquidificador com um quarto dos camarões e a metade do molho branco. Despejar a mistura na frigideira com o restante dos camarões e levar ao fogo baixo, com a massa de tomate e o restante do molho branco. Mexer bem, sem deixar levantar fervura. Pôr os demais temperos e corrigir o sal. Deixar esfriar totalmente. Cortar a massa folhada em retângulos no tamanho desejado e pôr o recheio entre as folhas, de modo que fique no meio. Pôr o catupiry e fechar a massa, apertando as extremidades. Pincelar com gema de ovo batida. Assar por 20 minutos em forno aquecido a 180 graus. Servir com salada de folhas diversas e cubos de pera.


 
A receita fornecida por Rodrigo Barcellos, de Tiradentes foi publicada no Guia Sabores de Minas, em agosto de 2009

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA