Deguste Diamantina: garimpamos um bacalhau temperado com memórias

Misture xícaras de história, fatias de tradição e pitadas de boemia. Para o tempero, a sensualidade de Chica da Silva e boas doses da política de Juscelino Kubitschek

08/04/2017 08:00
Marcos Michelin/EM
(foto: Marcos Michelin/EM)
Deguste a cidade de JK com talheres de ouro e aprecie, a cada garfada, becos, ladeiras e lendas. Nesta viagem, o paladar é o garimpeiro e caçador de tesouros desta terra de riquezas. E já que chegar a esta cidade, a 290 quilômetros de Belo Horizonte, é respirar um passado vivo de Minas Gerais, nada melhor do que começar este roteiro com uma das heranças dos colonizadores. “Para quem é, bacalhau basta”, diverte-se Mário Dornas Vieira, o Marinho, relembrando um antigo ditado muito usado pelos portugueses na época da colonização. Dono de um dos restaurantes mais tradicionais de Diamantina, a Cantina do Marinho, ele põe à mesa a receita que, na sua família, passa de geração em geração. Feito na panela de pedra, o bacalhau tem como acompanhamento indispensável o repolho que, segundo Marinho, é o diferencial. “O sabor do peixe entranha na verdura, o que deixa o prato ainda melhor”, garante. Na semana santa, a iguaria é levada ao forno. “É tradição do restaurante. Por isso, o nome bacalhau ao forno. Mesmo que seja feito de outra forma”, brinca. Para acompanhar a delícia, ele aconselha um bom vinho português. Segundo Marinho, a especialidade serve para aquecer os corações dos seresteiros nas noites frias de Diamantina. Sabores que, para apreciadores da boa mesa, bastam.

Ingredientes:

• Meio quilo de bacalhau norueguês (dessalgado) 
em postas
• Meia cabeça (pequena) de repolho 
• 3 de batatas inglesas (médias) picadas em pedaços
• 1 copo (tipo americano) de azeite português 
• 1 cabeça de cebola picada
• 1 pimentão verde picado em rodelas 
• 1 pimentão amarelo 
picado em rodelas
• 1 pimentão vermelho picado em rodelas
• 6 alcaparras
• 100 g de alho 
macerado 
• 100 g de azeitona preta portuguesa 
• 2 ovos cozidos (para decoração) 
• Cheiro verde (para a decoração)


Como fazer Bacalhau ao forno


Ferver na panela de pressão, com água até cobrir, a batata, o bacalhau e o repolho. Depois de fervido, deixar cozinhar na pressão por 15 minutos. Desprezar a água. À parte, aquecer o azeite e pôr a cebola, os pimentões, alcaparras, alho e azeitona, até o alho começar a dourar. Misturar bem.

Montagem
Aquecer bem uma panela de pedra. Retirar do fogo e forrá-la com repolho. Em seguida, acrescentar as batatas e o bacalhau. Cobrir com o molho. Decorar com os ovos cozidos e cheiro verde. Servir.

A receita fornecida por Mário Dornas Vieira, de Diamantina foi publicada no Guia Sabores de Minas, em março de 2008

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA