Descubra qual copo é o mais indicado para cada tipo de cerveja

Resgate da produção em menor escala faz surgir copos específicos para cada estilo de cerveja

por Celina Aquino 31/01/2016 11:06

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Christina Horta / EM / DA Press
Enquanto copo lagoinha é o mais tradicional no Brasil, na Alemanha, a caneca é o copo preferido (foto: Christina Horta / EM / DA Press)


Não é papo de colecionador. Usar um copo diferente para cada tipo de cerveja é uma boa pedida para quem gosta de degustar a bebida. "Do ponto de vista sensorial, os desenhos são pensados para valorizar os atributos e melhorar a experiência de beber das cervejas especiais", garante o professor da Doemens Academy Rafael Reis, que dá aulas na Academia Barbante de Cerveja, em Belo Horizonte.


Para saborear cervejas mais complexas, prefira taça, cálice ou tulipa. O bojo largo e a boca mais fechada permitem a percepção melhor dos compostos responsáveis pelos aromas e sabores.

No Brasil, acostumou-se a chamar tulipa aquele copo estreito e comprido, mas o certo é associar o nome à taça com o formato da flor, típica da Holanda. Ela é indicada para degustar cervejas mais alcoólicas, com maior complexidade e boa formação de espuma. "Como o copo é largo, quero que a espuma continue a agir enquanto bebo. Ela ajuda a manter o controle da temperatura, preservar elementos de aroma e sabor e, durante as refeições, limpa o paladar", informa.

A escolha do copo também muda de acordo com a posição geográfica do apreciador de cerveja. Em cada país, por exemplo, é costume adotar uma unidade de medida. Enquanto o copo lagoinha, de 200ml, é o mais popular entre os brasileiros, os ingleses gostam de tomar cerveja no pint, com capacidade para 450ml. Já os alemães consomem a bebida em uma caneca de 1 litro.

ESTILOS DIFERENTES

Com o resgate da produção em menor escala, surgem copos específicos para cada estilo de cerveja. Normalmente, o copo-padrão para cerveja de trigo é de 500ml, já que o hábito, herdado dos alemães, é servir de uma vez todo o volume da garrafa.

Outra razão para a diversidade de copos de cerveja é a iniciativa dos produtores de lançar o seu próprio formato. Os microcervejeiros observam que a maioria dos consumidores gosta de colecionar copos e ainda quer aproveitar ao máximo a experiência de provar um novo rótulo. "O brasileiro está descobrindo que cerveja não é para ser bebida estupidamente gelada e em grande quantidade. Existem mais estilos, aromas e sabores para explorar", comenta Reis.

 

1 - TAÇA DE DEGUSTAÇÃO: a borda inclinada permite ao avaliador acesar líquido sem beber espuma

2 - TAÇA: Também chamada de pokal, tem formato parecido com o de um troféu

 

3 -COPO PARA CERVEJA DE TRIGO: a tradição manda encher o copo com todo o volume da garrafa

 

4 -PINT: é o copo mais usado na Inglaterra, para beber a tradicional cerveja pale ale

 

5 - COPO LAGOINHA: o mais popular no Brasil, proncipalmente nos bares de Belo Horizonte

 

6 - TULIPA: indicada para cervejas mais compelxas em relação ao aroma e sabor

 

7 - CANECA: é a preferida dos alemães, que beben grandes quantidades de uma só vez

 

8 - CÁLICE:   o copo mais aberto faz com que os aromas se desprendam mais facilmente

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA