Mais amplo e em novo endereço, bistrô D'Artagnan completa 13 anos

Espaço ficou fechado no início do ano para reforma que quase dobrou a capacidade e preservou a atmosfera do bistrô original

por Mariana Peixoto 04/07/2014 08:41

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
ANDRÉ HAUC/ESP.EM/D.APRESS
Haddock ao forno comalho-poró e sobremesa mil-folhas com morango, destaques do novo endereço do D%u2019Artagnan (foto: ANDRÉ HAUC/ESP.EM/D.APRESS)
A mudança, apesar de grande, foi sutil. Tanto que há frequentadores que acreditam que estão no D’Artagnan original, agora com espaço extra. Mas não. Um dos bistrôs mais charmosos de Belo Horizonte, que completa 13 anos neste domingo, mudou de endereço. Fechado desde janeiro, foi reaberto em maio na mesma Rua Tomaz Gonzaga. Só que em casa ao lado do bistrô original, com uma área muito maior, o que quase dobrou a capacidade do restaurante (de 45 para 80 lugares).
 
“Quis manter a atmosfera do outro D’Artagnan. As luminárias são as mesmas e até o piso quadriculado (em preto e branco) de mármore”, afirma a chef e proprietária Marise Rache. Só que com muito mais espaço. O novo bistrô conta com varanda na parte posterior com um jardim e também um bar, que atende até oito pessoas. E as mudanças não foram somente estruturais. O cardápio sofreu modificações, igualmente sutis.

Clássicos do bistrô continuam presentes, como o camarão com requeijão ao forno, acompanhado com batata chips e arroz de coco. Habitués, no entanto, poderão encontrar agora novidades tanto na entrada (tartare de salmão com blinis e creme fraiche, a R$ 28), prato principal (haddock ao forno com alho-poró, minicebolas e batatas e molho ao creme, a R$ 72) e sobremesa (mil-folhas desconstruída, com morango, creme de baunilha, limão e calda de caramelo, a R$ 20). Para não ficar sempre preso ao menu, o bistrô apresenta sugestões do dia, que variam de acordo com a temporada.

O cardápio de bebidas também ganhou acréscimos. Tiago Santos, barman do MeetMe, criou seis coquetéis. E a casa ainda conta, agora, com o By the Glass, máquina de servir vinho em taça que conserva o aroma e o sabor da bebida depois de aberta, já que mantém o líquido sem contato com oxigênio. O D’Artagnan está oferecendo quatro rótulos de tinto vendidos em taça nesse sistema.

Marise Rache já pensa em adquirir máquina com capacidade maior, para aumentar a oferta para brancos e rosés. E as mudanças não param por aí. A partir de setembro, o restaurante, que até então só funcionou à noite, vai abrir nos finais de semana para almoço, uma demanda antiga dos frequentadores do D’Artagnan.

D’ARTAGNAN
Rua Tomaz Gonzaga, 593, Lourdes, (31) 3295-7878. Terça a sábado, a partir das 19h.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA