Brownie pode ser opção diferente para presentear na Páscoa

Chef pâtisserie Alessandra Schmidt é a responsável pela primeira brownieria do Sul do Brasil

por Mírian Pinheiro 07/04/2014 10:34

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Arquivo Pessoal
Brownie de goiabada e castanha-do-pará (foto: Arquivo Pessoal)
No lugar dos tradicionais ovos, o brownie pode ser uma proposta diferenciada de sobremesa para a Páscoa. São muitas as versões que procuram narrar a origem do verdadeiro brownie, criação culinária americana do início do século 20 que conquistou o mundo. Uma delas conta que um chef, sem querer, adicionou chocolate derretido à receita de um cookie. Outra traz a versão de que a receita nasceu na cozinha de uma dona de casa, que esqueceu o fermento do seu bolo de chocolate e serviu o doce assim mesmo. Deu certo. O que todos concordam é que a guloseima é um bolo típico da culinária dos Estados Unidos e aos poucos se tornou uma adoração mundial.


O famoso livro Larousse gastronomique afirma que o primeiro registro de uma receita de brownie apareceu em 1896, mas muitos historiadores da culinária dizem que foi em 1909, em uma versão com menos chocolate que a atual. Não sabemos a origem certa e provavelmente nunca saberemos, mas é possível perceber que ao longo dos anos o brownie passou por algumas evoluções, principalmente na quantidade de chocolate, que aumentou desde a original.


Combinações Existem várias formas de se servir um brownie. Originalmente, eles eram servidos com uma bebida quente assim que saíam do forno. Aqui no Brasil, até pouco tempo atrás, era mais conhecido como sobremesa, sempre acompanhado de sorvete de creme. Hoje em dia, são comuns as brownierias, que os servem com decorações e sabores variados, normalmente para acompanhar um belo cafezinho, como é o caso da Brownieria Fantástica, aberta em Curitiba, que traz uma proposta diferenciada. “Nossa ideia é que as pessoas fujam dos tradicionais ovos de chocolate e optem pelo brownie”, explica a chef Andressa Schmidt. Para isso, a primeira loja especializada em brownies do Sul do Brasil aposta, entre outras coisas, em sabores diferenciados.


Entre os novos “temperos” estão o chocolate belga meio amargo com nozes, pistache e macadâmias; chocolate belga meio amargo com morango glaçado e chocolate belga meio amargo com cramberry. Outros sete sabores, já presentes no cardápio da loja, também estão entre as opções. “Além dos brownies, temos, por exemplo, colombas pascais decoradas com frutas secas ou chocolate belga (500 gramas)”, completa Andressa, que é formada em arquitetura e urbanismo, mas apaixonada por chocolates e doces, resolveu se dedicar integralmente à doce atividade.


Utilizando ingredientes nobres e importados, seus produtos surpreendem pelo sabor marcante, formatos originais e carinho com que são feitos, individual e artisticamente. Alessandra viaja o mundo todo para pesquisar novas combinações. Também é professora no curso de pâtisserie e boulangerie do Centro Europeu, em Curitiba.

 

Brownie brasileiríssimo com goiabada e castanha-do-pará

Ingredientes

350g de farinha de castanha-do-pDe hoje até quinta-feira, salão de negócios de moda reúne 254 fabricantes no Expominas e contará com desfiles de 12 grifes. ará – se não encontrar pronta, basta bater no liquidificador; 350g de chocolate meio amargo picado; 200g de açúcar refinado; 6 ovos; 200g de manteiga; 25g de cacau em pó; 200g de goiabada em cubinhos; 100g de castanha-do-pará em lascas para decoração.

Modo de fazer

Derreter a manteiga e o chocolate meio amargo juntos. Fazer uma gemada bem clara e fofa com as gemas e o açúcar. Misturar o chocolate à gemada e mexer até homogeneizar. Agregar a farinha de castanha e o cacau. Por último, as claras batidas em neve. Pré-aquecer o forno a 180°C. Usar forma de fundo falso, untada e polvilhada com farinha. Despeje a massa do brownie e mergulhe os pedacinhos de goiabada. Salpique as lascas de castanha por cima. Asse por aproximadamente
30 minutos. Deixe esfriar bem para desenformar.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA