Conheça a culinária do restaurante onde a presidente Dilma jantou em Lisboa

Joachim Koerper comanda o restaurante português escolhido pela presidente em visita não programada a Lisboa. Casado com uma paraense, ele emprega produtos brasileiros na sua cozinha contemporânea

02/02/2014 11:08

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Eleven/Divulgação
Chef Joachim Koerper do Restaurant Eleven (foto: Eleven/Divulgação)


A passagem inesperada da presidente Dilma Rousseff por Lisboa deu o que falar não só nas rodas de discussão política. Para os amantes da gastronomia, a escolha do restaurante também foi, com perdão do trocadilho, um prato cheio. A brasileira experimentou a cozinha contemporânea do chef alemão Joachim Koerper, à frente de um dos melhores restaurantes portugueses, o Eleven. Como que detentor de um toque de Midas, o chef conseguiu uma estrela para o Eleven no Guia Michelin e também obteve duas estrelas para o Girasol em Moraira, litoral da Espanha.


Apesar de ser um homem cosmopolita, podemos dizer que Joachim se deixou seduzir pelo Brasil e não apenas pela passagem de Dilma. A visita foi registrada em foto que, depois de divulgada na internet, deixou em situação constrangedora a presidente. O chef é casado com a paraense e também chef Cíntia Paiva Koeper, que lhe apresentou a riqueza dos ingredientes da região da Amazônia. O chef declarou que usa em suas receitas cupuaçu, castanha-do-pará, açaí, cumaru, bacuri e feijão manteiguinha.
A proximidade com o Brasil estreitou-se quando passou a comandar dois restaurantes na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. No Casa Shopping, o Enotria passou a incluir no nome “por Joachim Koerper”. O chef alemão também assumiu a cozinha do Enoteca Uno. Por onde passa, Joachim implementa um padrão alta gastronomia com pratos de um culinária contemporânea que guarda elementos de diferentes países.


Eleven/Divulgação
Restaurante Eleven, no topo do Parque Eduardo VII (foto: Eleven/Divulgação)
De frente para o Rio Tejo, o Eleven faz juz à tradição da cozinha portuguesa com o uso de produtos naturais e frescos. Nos três restaurantes que comanda há um flerte com a culinária mediterrânea, embora receba influência também de outros países. Com muita criatividade, ele combina os produtos, dando ênfase à diversidade de sabores, cores, aromas e texturas.
Controvérsia política à parte, a presidente degustou o talento de um dos chefs mais premiados de Portugal. Desde 1999, ele é o Chef Consultor da Quinta das Lágrimas, o que lhe torna um profundo conhecedor da cozinha portuguesa e dos produtos disponíveis no país.

 

Bacalhau confitado
(1 porção)

 
Ingredientes

150g de bacalhau dessalgado, 400ml de azeite, 1 dente de
alho, tomilho a gosto

Modo de fazer

Em uma panela, coloque o azeite, alho e tomilho em fogo muito
baixo, sem ferver. Mergulhe o bacalhau por 7 minutos. Reserve

Para o Knödel

Ingredientes: 1 pão francês envelhecido, 40ml de leite, salsa picada, 1/4 de cebola picada,
sal a gosto, 1 ovo, pimenta a gosto, 1 colher de chá de concentrado de tomate

Modo de fazer: Corte o pão em cubinhos, coloque-os numa tigela. Junte ao pão, as cebolas refogadas com azeite, leite quente, salsa, ovo, sal, pimenta a gosto e tomate concentrado. Misture bem. Disponha essa mistura numa folha de papel alumínio untada com manteiga ou azeite. Enrole como um rocambole, feche as pontas. Deixe repousar durante 20 minutos e cozinhe em água e sal cerca de 20 minutos. Deixe esfriar, corte em
fatias e frite no azeite .

Para a crosta de chouriço

Ingredientes: 60g de pão ralado, 20g de chouriço cortado em pequenos cubinhos, sal, pimenta, 20g de manteiga, 1 colher de cream chese, salsa picada

Modo de fazer: Misture tudo e com o auxilio de uma espátula cubra o lado de cima do bacalhau. Leve ao forno até a crosta dourar.

Para o molho de vinho tinto

Reduzir 200ml de vinho tinto a 1/3, juntar 2 colheres de chá de açúcar e sal a gosto.
Juntar 200ml de caldo de
carne e deixar reduzir.
Com a ajuda de uma batedor, montar com 2 colheres de sopa de azeite e 10g de manteiga, até ficar brilhante e consistente.

Montagem: Coloque o knödel no fundo do prato, em cima coloque o bacalhau. Regue com o molho de vinho tinto e finalize com um fio de azeite.
Eleven/Divulgação
Especialidade portuguesa, o porco preto foi apresentado à presidente Dilma (foto: Eleven/Divulgação)

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA