Carta cobiçada de Pokémon é vendida por U$ 55 mil em leilão nos EUA

Vendedor está na faixa dos 20 anos e não quis ser identificado; colecionador que arrematou a Pikachu Illustrator é de Hong Kong e também não teve seu nome revelado

por AFP 22/11/2016 16:57

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

ROSLAN RAHMAN/AFP
O mascote Pikachu (foto: ROSLAN RAHMAN/AFP)

Uma carta extremamente rara de Pokémon - a "Pikachu Illustrator" - foi comprada pelo recorde de US$ 54.970 em um leilão - informaram os organizadores da venda nesta segunda-feira (21).

Localizada em Dallas, a casa de leilões Heritage informou que a carta, da qual foram fabricadas apenas 39, foi vendida para um colecionador anônimo de Hong Kong no leilão de sábado, em Beverly Hills.

 

"A carta Pikachu Illustrator foi dada em janeiro de 1998 aos vencedores do Concurso de Ilustração da revista CoroCoro", informou o porta-voz da Heritage, Michael Halperin. Segundo ele, sabe-se que apenas dez das cartas se encontram em bom estado, e é desconhecido quantas estão em posse privada.

 

A "Pikachu Illustrator" foi vendida pela primeira vez no início dos anos 2000 por cerca de US$ 23 mil, declarou Haperin. Considerada a mais valiosa e icônica carta de Pokémon entre colecionadores, ela foi desenhada por Atsuko Nishida, um dos principais ilustradores dessa animação. A carta retrata o favorito roedor amarelo Pikachu, segurando o que parecem ser ferramentas de desenho.

 

O item foi colocado em leilão por um colecionador nos Estados Unidos no âmbito da popularidade do aplicativo Pokémon Go, que tem mais de 20 milhões de usuários ativos. Halperin disse que o vendedor, que está na faixa dos 20 anos e não quis ser identificado, começou a colecionar cartas de Pokémon na adolescência. O fenômeno Pokémon começou no Japão em 1996, antes de se tornar uma sensação global.

 



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GAMES