Beagá Cool destaca iniciativas criativas, originais, ousadas e locais

Segunda edição da premiação celebra a capital mineira

por Fernanda Machado 23/01/2016 08:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Marcos Vieira/EM/D.A Press
(foto: Marcos Vieira/EM/D.A Press)
Uma iniciativa que celebra os projetos mais criativos, originais, ousados e locais de 2015. Há algum tempo, esse cenário combinaria mais com o movimentado circuito cultural paulistano, ou com a descontraída badalação carioca. Mas a premiação ocorreu aqui mesmo, em Belo Horizonte, provando que a cidade floresce como uma das capitais mais diversificadas em se tratando de moda, arte, ocupação urbana e gastronomia.


E é esse mesmo o objetivo do Beagá Cool, projeto idealizado pelos amigos Lenise Regina, Sérgio Souto e Tiago Belotte, cuja premiação já está na sua segunda edição. A ideia é colocar sob os holofotes o que há de novo na cidade, e mostrar que viver, consumir e sair em BH está cada vez mais divertido. “Sempre pensamos que Belo Horizonte tem um propósito diferente, uma vocação de ser a cidade mais cool do Brasil. Em 2014, demos um passo no sentido dessa visão, e percebemos que, além de trazer eventos legais para cá, precisávamos valorizar o que já estava sendo feito aqui”, conta Tiago.

Sérgio lembra que a palavra cool foi alvo de algumas críticas no início, por se tratar de um estrangeirismo. “Queremos quebrar essa resistência. Para nós, cool significa criativo, ousado, original e local. E valoriza justamente as ideias criadas na cidade”, explica.

O modo que encontraram para colocar o plano em prática, inicialmente, foi a criação de uma página no Facebook, onde projetos indicados pelos próprios moradores da capital começaram a ser divulgados. Hoje, o Beagá Cool conta também com perfil na plataforma Medium, com textos e dicas de vários colaboradores. “Houve um crescimento orgânico nas nossas páginas e vimos que as pessoas estão carentes de falar sobre a cidade”, comenta Sérgio.

Além das movimentações digitais, anualmente, o Beagá Cool promove uma festa na qual são premiadas as ações e empresas que mais se destacaram no ano. Nesta segunda edição, foram 12 categorias: Bar, Design/Editorial, Projeto Social, Arte, On-line, Entretenimento, Ocupação Pública, Comida, Saudades, Empresa do Ano, Pessoa do Ano e Projeto Amor do Ano. Os indicados e vencedores foram eleitos pelo público em votação pela internet.

RECONHECIMENTO Projetos como a galeria de arte Quarto Amado, o bar A Alfaiataria, a ocupação urbana Gaymada e a casa de shows Baixo Centro Cultural foram premiados (confira a lista completa). Uma das categorias mais celebradas foi a de Pessoa do Ano, que coroou o historiador Guto Borges, figura conhecida pela participação em várias movimentos e iniciativas da capital.

Guto lembra que, quando adolescente, o termo cool era utilizado para definir o que era de fora. “Por muito tempo em BH, a ideia do que era legal era o que não estava aqui. Acho que é muito exemplar essa inversão. De começar a entender que a gente tem iniciativas muito legais na cidade”, conta. O prêmio veio como uma surpresa para ele, que concorria com o performer Ed Marte e com a empresária Laura Damasceno. “Fiquei até assustado na hora!”, brinca. “Foi um ano muito louco para mim”, comenta, explicando que, ao mesmo tempo, acompanhou o universo das drag queens, esteve junto aos jovens que dançam o passinho do funk, circulou por inúmeros blocos de carnaval e pelos coletivos ciclistas e trabalhou dando aula. “Acho que é isso. Não tenho um projeto muito grandioso, mas vivo a vida que a cidade propõe de uma forma muito intensa. Estou vivendo o que BH me convida a viver, de uma forma pouco temerosa, pouco preocupada”, diz, tentando justificar os louros.

Já a categoria de Projeto Amor do Ano, uma das mais aguardadas da noite, foi vencida pelo projeto Seu Pechincha, que mistura garimpo de peças de vestuário com design. O objetivo, segundo a idealizadora Raíssa Leão, é uma conscientização no campo da moda. “Sempre gostei de lidar com a moda no popular. O Seu Pechincha vem para mostrar que temos que começar a comprar coisas mais baratas, parar de comprar roupa de marca, aprender a cuidar das nossas peças. É a ideia do consumo consciente mesmo”, explica. “Fiquei muito feliz quando falaram nosso nome lá na frente. Vai ser mais uma conquista importante para nosso currículo”, completa.


Com planos de lançar um guia ainda este ano, e explorar cada vez mais diferentes bairros da capital, o Beagá Cool promete novidades para 2016, e mostra que o movimento cultural que ocorre aqui só tem a crescer. “Acho que o belo-horizontino não precisa mais se desculpar quando receber visitas. Temos lugares incríveis para mostrar. Acredito que o que está ocorrendo é uma primavera da própria cidade. De descobrir a si própria e ver o potencial que ela tem”, pontua a cocriadora Lenise Regina.

 

VENCEDORES

>> BAR
Alfaiataria


>> DESIGN/EDITORIAL
Ernesto


>> PROJETO SOCIAL
Associação Integração


>> ARTE
Quarto Amado


>> ON-LINE
Pula BH


>> ENTRETENIMENTO
Baixo Centro Cultural


>> OCUPAÇÃO PÚBLICA
Gaymada


>> COMIDA
Chá Comigo


>> SAUDADES
Quina Galeria


>> EMPRESA DO ANO
Mooca


>> PESSOA DO ANO
Guto Borges


>> PROJETO AMOR DO ANO
Seu Pechincha

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS