Time de 11 personagens de Belo Horizonte revela seus lugares favoritos na cidade

Confira lista que mostra opções para passar as horas livres na capital mineira

por Helvécio Carlos 11/12/2015 08:30

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
MARCOS MICHELIN/EM/D.A.PRESS
O Mirante das Mangabeiras está entre os lugares favoritos da empresária Natália Vasconcelos e do artista plástico Thales Pereira. Rogério Flausino passeia com os filhos na Praça do Papa (foto: MARCOS MICHELIN/EM/D.A.PRESS)
Belo Horizonte já é uma senhora centenária, mas mantém o entusiasmo de uma adolescente quando o assunto é se divertir a valer. Seja na comemoração dos 118 anos da capital mineira, seja em um dia para curtir a noite ou simplesmente ficar de papo pro ar com os amigos, o que não falta é oportunidade. “Acho uma pena escolher apenas três lugares divertidos em BH. Vou cometer algumas injustiças. Vou escolher, então, lugares que associo mais com a noite e com amigos, em vez de falar sobre espaços culturais, que cumprem outras funções além de divertir”, diz o artista plástico Rafael  Zavagli, integrante do time convidado pelo Divirta-se para apontar os lugares mais divertidos de Belo Horizonte.


A coreógrafa do Grupo Corpo Cassi Abranches foi bem-humorada ao justificar sua preferência pelo estádio do Independência. “Vou com o maridão (Gabriel Pederneiras) e nosso filho (Pedro). Mas me falta companhia para ver meu time no Mineirão. Sou santista roxa!”, afirmou. Seja qual for sua preferência no campo ou fora dele, o que não vale é fazer bico e reclamar da falta de opções na cidade.

CASSI ABRANCHES, COREÓGRAFA

RODRIGO CLEMENTE/EM/D.A.PRESS
Estádio Independência (foto: RODRIGO CLEMENTE/EM/D.A.PRESS)
1) Estádio do Independência
Com o maridão (Gabriel Pederneiras) e o filho (Pedro) – parte atleticana da casa.

2) Sushi Naka
Onde como bem e me sinto à vontade. Sempre encontro peixes frescos e um atendimento bacana.

3) Casa Bonomi
Onde, na minha opinião, tem o melhor suco de tangerina da cidade. O cardápio é todo maravilhoso, dos sanduíches aos pratos, sem contar as sobremesas.


FLAVIA ALBUQUERQUE, GALERISTA


1) CCBB/Café com Letras
Programação variada, com exposições, apresentações teatrais, shows, livraria com bons títulos e o delicioso ambiente e comida do Café com Letras fazem do CCBB um ótimo destino para ir sempre com a família e amigos.

2) Feira de Flores de Belo Horizonte, na Avenida Carandaí
Programa obrigatório às sextas-feiras, na Feira de Flores é possível descobrir espécies raras a preços bem mais acessíveis. Um passeio superagradável para se fazer em família e com minhas duas cadelas.

3) D’Artagnan Bistrô
Sempre movimentado, o bistrô é a melhor pedida para quem não abre mão de um ambiente agradável e de uma cozinha de qualidade. Os drinques são deliciosos e o suflê de goiabada com calda morna de requeijão é imperdível.

GRACE PASSÔ, ATRIZ E DIRETORA


1) Casa África
Além de lugar gastronômico, é um centro cultural no Bairro Esplanada, reduto da cultura africana em BH. A Casa África reúne restaurante, casa de shows, sede de eventos, loja. Sua programação é uma referência da cultura africana na cidade.

LEANDRO COURI/EM/D.A.PRESS
Viaduto Santa Tereza (foto: LEANDRO COURI/EM/D.A.PRESS)
2) Viaduto Santa Tereza
É um complexo cultural no Baixo Centro belo-horizontino. A cultura urbana da cidade ferve neste trecho de asfalto embaixo e em torno do viaduto. Duelo de MCs, o carnaval de rua, o Teatro Espanca!, o bar Baixo Centro são alguns eventos e espaços onde o entretenimento não se desvincula das nossas manifestações culturais.

3) Bomb Shell + Santeria
Dois bares vizinhos de mesmos donos que aliam boa gastronomia e discotecagem de qualidade.


JÚLIA ROCHA, CANTORA

1) No Ponto Espeteria
O Samba de Segunda é realizado sempre às segundas, às 19h.

2) Samba do Lava Jato
No Bairro São Paulo é realizado o samba do Lava Jato, um dos mais tradicionais de Belo Horizonte

3) Samba da Meia-noite
Acho massa a proposta deles. (Uma roda de samba com interatividade do público ao redor da roda).

LEO FERNANDES, ATOR


PEDRO DAVID/EM/D.A.PRESS
Café Benzadeus (foto: PEDRO DAVID/EM/D.A.PRESS)
1) Café Benzadeus
Onde costumo ficar decorando meus textos. É um café com uma vibração legal.

2) Pelas ruas
Os meios-fios de Belo Horizonte são os melhores lugares para se sentar, se estiver em boa companhia. Principalmente o da minha rua.

3) Pela cidade
Ando muito em Belo Horizonte. Gosto de andar. Todo dia passo por um caminho diferente. Não ligo se estou dando voltas ou fazendo um caminho maior. Gosto de passar por lugares que nunca passei dentro da minha cidade, ver casas que nunca vi, explorar.

NATÁLIA VASCONCELOS, EMPRESÁRIA

1) Alphaville
Lugar de encontro nos finais de semana para quem ama esportes e natureza. Lá, gosto de correr, sair para pedalar na BR ou nas trilhas, fazer stand-up na lagoa ou nadar no Minas Tênis Clube. Não há lugar melhor para um sábado de sol.

2) Praça do Papa e Mirante Mangabeiras
Gosto de ir pedalando da minha casa, no final de tarde, para assistir ao pôr do sol e à vista mais bonita da cidade.

3) D’Artagnan Bistrô
Além dos pratos e sobremesas deliciosas, o ambiente é intimista e aconchegante

RAFAEL MARCHETTI, EMPRESÁRIO


1) Mercado Distrital do Cruzeiro
Ambiente descontraído, com pessoas bonitas e boa programação.

2) Land Spirit
Excelente programação, pessoas não tão novas e muita gente querendo realmente se divertir.

3) Baixo Centro Cultural
Vale a pena conferir, depois de um jantar no Pecatore ou Salumeria. Programação autêntica, público
fiel e muita diversão.

RAFAEL ZAVAGLI, ARTISTA PLÁSTICO

MARCOS VIEIRA/EM/D.A.PRES
Bar do Salomão (foto: MARCOS VIEIRA/EM/D.A.PRES)
1) Bar do Salomão
Escolho esse lugar especificamente por suas segundas e quintas-feiras, quando acontecem as rodas de choro. As rodas são muito democráticas, cheias de “canjas”, e sempre com um time de ótimos músicos formado por jovens instrumentistas e integrantes da “velha guarda” da cidade. A cena do choro em BH está muito forte e renovada. Acho que o Salomão apresenta o que temos de melhor dentro dessa linguagem.

2) A Casa
É outro lugar para se escutar ótima música em BH (especialmente instrumental). É um ponto de encontro de excelentes músicos e possui uma programação bem variada, embora focada especialmente na música brasileira.

3) A Obra
É uma possibilidade bem interessante nas madrugadas de BH. É um lugar que funciona desde o final da década de 90. Por isso é muito frequentado por pessoas da minha geração –nascidas entre o final dos anos 70 e meados dos 80. É um espaço onde é possível assistir a um show de bandas novas da cena independente ou passar a noite escutando bandas de rock dos anos 90, por exemplo.


ROGÉRIO FLAUSINO, VOCALISTA DO JOTA QUEST

1) Praça do Papa
Além de ser um parque bonito, foi ali que gravamos um DVD, marco na carreira do Jota Quest. É onde sempre levo meus filhos para brincar com os cachorros e tomar água de côco.

2) Major Lock
É onde sempre encontro meus amigos de 30 anos atrás.
O Major foi marcante na vida
de uma geração.

3) Land Spirit
É um lugar muito legal, que faltava em Belo Horizonte. O som que rola é agradável, tem uma comida ótima, sem contar o visual no final de tarde.


THALES PEREIRA, ARTISTA PLÁSTICO

1) O entorno da cidade
De Macacos a Inhotim, a beleza da natureza me traz boas lembranças dos tempos em que Belo Horizonte guardava traços de uma
cidade de interior

2) Retiro das Pedras
Gosto de ir lá para ver um pôr do sol que é dos mais bonitos da região

3) Aos pés da serra
Ir ao alto Mangabeiras admirar a Serra do Curral, que reina absoluta; na Praça do Papa, a cidade vista do alto é um dos programas que me divertem em Belo Horizonte


THIAGO VINHAL, ATLETA


TÚLIO SANTOS/EM/D.A.PRESS
Belvedere (foto: TÚLIO SANTOS/EM/D.A.PRESS)
1) Belvedere
Gosto da Lagoa Seca e de poder correr com os amigos pelas ruas do bairro

2) Sakana
Boa opção para comer um ‘japa’ com os amigos

3) Cinema
Assistir a filmes é um programa que não atrapalha as rotinas de treino e de que gosto muito. Geralmente, vou ao Diamond Mall, ao lado de minha casa.

Endereços

 

A Casa
Rua Padre Marinho, 30, Santa Efigênia, (31) 3141-2979 ou 99753-2979


A Obra
Rua Rio Grande do Norte, 1.168, Funcionários, (31) 3261-9431


Bar do Salomão

Rua do Ouro, 895, Serra, (31) 3221-5677


Bomb Shell
Rua Sergipe, 1.395, Savassi, (31) 98930-3640


Café Benzadeus
Rua da Bahia, 1.071, Centro, (31) 3214-3234


Café com Letras Liberdade/CCBB
Praça da Liberdade, 450, Funcionários, (31) 3431-9400


Casa África
Rua Vinte e Oito de Setembro, 476, Esplanada, (31) 3653-4244


Casa Bonomi
Avenida Afonso Pena, 2.600, Funcionários, (31) 3261-3460


D’Artagnan Bistrô
Rua Tomaz Gonzaga, 607, Lourdes, (31) 3295-7878


Estádio do Independência
R. Pitangui, 3.230, Horto, (31) 3654-6731


Feira de Flores de Belo Horizonte
Avenida Carandaí (entre Avenida Brasil e rua Ceará)


Land Spirit
Saída Rodovia BR-356, Km 7,5, Olhos d’Água


Major Lock
Rua Major Lopes, 729, São Pedro, (31) 99804-1677


Mirante Mangabeiras
Rua Pedro José Pardo, 1.000, Mangabeiras


No Ponto Espeteria
Rua Diabase, 291, Prado, (31) 98319-1930


Pecatore
Rua Sapucaí, 535, Floresta, (31) 2552-1450


Praça do Papa
Praça governador Israel Pinheiro, 13, Mangabeiras

 

Salumeria
Rua Sapucaí, 527, Floresta, (31) 2552-0154

 

Samba do Lava Jato
Rua da Unidade, 62, Bairro São Paulo. Domingos, 14h30. (31) 98554-1331


Santeria
Rua Fernandes Tourinho, 385, loja 1, Savassi, (31) 8850-3627


Sushi Naka
Rua Gonçalves Dias, 92, Funcionários, (31) 3287-2714


Sakana
Avenida do Contorno, 7.000, Santo Antônio, (31) 2515-0007

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS