Belo Horizonte oferece atrações antiestresse no fim de semana

Parques e espaços públicos da cidade oferecem atrações que vão desde a observação de pássaros até a ioga e meditação

por Shirley Pacelli 18/09/2015 08:43

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Euler Júnior/EM/D.A Press
Observação de pássaros no Parque Serra do Curral (foto: Euler Júnior/EM/D.A Press)
O primeiro passo é levantar cedinho, quando mal raiou o sol, e de sorriso no rosto. Sim, abandone a preguiça e fique aberto à nova experiência: passarinhar! Desacelere, pois fim de semana pede atividades tranquilas. A observação de aves no Parque da Serra do Curral, por exemplo, rola no domingo. Apague da memória aquela imagem do caçador de passarinhos com roupas camufladas e binóculos de longo alcance. É possível fazer o passeio sem todo esse aparato.


Disposição e treino de olhos e ouvidos são suficientes para descobrir um juruva-verde, por exemplo. A “expedição” começa às 7h. A atividade é realizada gratuitamente em cinco parques da capital graças à parceria da prefeitura com a ONG Ecoavis. Eduardo Franco, diretor-presidente da ONG, compara observar passarinhos a um refúgio. “É como um álbum de figurinhas. Você pode ‘colecionar’ pássaros, avistando ou fotografando. É viciante”, diz. Os melhores horários para a prática são de manhã e no fim de tarde.

Outra boa pedida “slow”: amanhã, o Espaço do Conhecimento UFMG promove a Noite Internacional de Observação da Lua. A partir das 14h, o público poderá participar da oficina “As fases da Lua” e, às 16h, de sessão comentada, no planetário.

Vander Bras/FPM Yoga/ioga
Alunos durante aula gratuita de ioga do projeto 'Praticando aos domingos no parque', no Parque da Serra do Curral (foto: Vander Bras/FPM Yoga/ioga )
NAMASTÊ
“Respira, inspira, não pira”. Esse é o clima das aulas gratuitas do projeto Praticando aos Domingos no Parque. Vicky Fernandes De Raphael, terapeuta corporal e psicóloga, dá aulas de hatha ioga no Parque da Serra do Curral. A atividade têm atraído até 100 pessoas aos domingos. “Não é preciso fazer aquela postura da capa de revista”, brinca Vicky. Segundo ela, a prática é ideal para aquietar a mente.

Desde 2012, parques oferecem aulas gratuitamente aos domingos, em parceria com professores da Associação Mineira de Ioga. Aos sábados, no Parque Municipal, há aulas de tai chi chuan e da técnica oriental lian gong.

MEDITAÇÃO Você está disposto a se entregar a um momento de silêncio e introspecção? Como parte da campanha Medita BH, a organização Brahma Kumaris fará no domingo uma ação no Parque Municipal, das 8h às 14h. É só entrar na tenda, deixar a timidez de lado e se entregar à experiência. “As pessoas pensam que a prática é complicada, mas isso é mito. Em qualquer lugar – na praça, na rua – é possível vivenciá-la”, diz Marli Medeiros, coordenadora da Kumaris.

Também no domingo, celebrando o Dia Internacional da Paz Mundial, comemorado na segunda-feira, haverá meditação especial na sede da organização, no Bairro Nova Granada. Aliás, hoje, em plena sexta-feira, dá para dar fugidinha do trabalho no horário do almoço. O Movimento Dedico, na Savassi, oferece aulas gratuitas de meditação entre as 12h e as 14h. Casa sessão dura meia hora.

PONTO-CRUZ A agulha trabalha e um conto literário vai se entrelaçando com as cores das linhas. Bordar, para a arteterapeuta Vani Luiza Cipriano, é abrir o inconsciente. “A atividade nos leva a outro patamar do pensamento. É mais que terapia”, diz. Vani faz parte do grupo Panos, Pontos e Sonhos, que expõe trabalhos na Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa, na Praça da Liberdade.

Outra atividade inspirada na harmonia da natureza é a ikebana, a arte milenar de criar arranjos de flores. Valesca Nascimento Simim, coordenadora da Academia Sanguetsu, explica que enquanto se busca o equilíbrio da composição formada por vaso, caule, folha e flor, encontra-se paz interior.

 

UFMG/DIVULGAÇÃO
Observação da lua no Planetário do Espaço do Conhecimento UFMG (foto: UFMG/DIVULGAÇÃO)
PARA RELAXAR

 

>> Observação de pássaros
Projeto Avistavis. Domingo, das 7h às 11h. Parque Serra do Curral. Av. José do Patrocínio Pontes, 1.951, Mangabeiras. Informações: (31) 3277-8120 e no site. Entrada franca

>> Ioga para todos
Domingo, às 9h. Parques das Mangabeiras (Av. José do Patrocínio Pontes, 580, Mangabeiras), Rosinha Cadar (Rua Rodrigues Caldas, 315, Santo Agostinho) e Lagoa do Nado (Rua Desembargador Lincoln Prates, 240, Itapoã). Levar canga. Informações: (31) 9957-1779. Entrada franca

>> Ioga
Domingo, às 10h. Parque Serra do Curral (Av. José do Patrocínio Pontes, 1.951, Mangabeiras). Informações: (31) 3086-0252 e no site. Entrada franca

>> Lian gong
Sábado, das 9h às 10h. Parque Municipal, Av. Afonso Pena, Centro. Entrada franca


>> Observação da Lua
Sábado, a partir das 14h. Espaço do Conhecimento UFMG, Praça da Liberdade, 700, Funcionários. Entrada franca

>> Medita BH
Domingo, das 8h às 14h. Parque Municipal, Centro. Informações: (31) 3371-9802 e no site. Entrada franca

>> Meditação/Dedico

Sexta, das 12h às 14h. Av. Cristóvão Colombo, 64, sala 223, Funcionários. Informações no site. Entrada franca

>> Meditação pela Paz
Domingo, às 17h30. Rua Industrial José Costa, 587, Nova Granada. Informações: (31) 3371-9802. Entrada franca

>> Tai chi chuan
Sábado, das 8h às 10h. Parque Municipal, Centro. Inscrições: marcellgiffa@ig.com.br ou (31) 9945-3938. Entrada franca

>> Tai chi de primavera
Sábado, das 14h às 16h30. Ashram da Paz, Rua dos Pedreiros, Aranha, distrito de Brumadinho. Informações: (31) 9606-7777 e no site. Entrada franca

>> Contos bordados
Exposição de bordados. Biblioteca Luiz de Bessa, Praça da Liberdade, 21, Funcionários. Sexta, das 8h às 18h; sábado, das 8h às 12h.

>> Ikebana

Aulas quinzenais pagas. Às terças, quartas e quintas-feiras e sábados. Rua Ouro Preto, 756, Barro Preto. Informações: (31) 3337-6469.

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS