Grupo Galpão estreia peça na Mostra Boa-Nova

Evento reúne grupos que se dedicam à cena do teatro contemporâneo em Belo Horizonte

por Estado de Minas 14/05/2015 09:22

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Guto Muniz/divulgação
Guto Muniz/divulgação (foto: Guto Muniz/divulgação)
A arte criada em BH ganha destaque no projeto promovido pelo Cine Theatro Brasil, que apresentou 26 espetáculos desde agosto do ano passado. Até domingo, grupos que se dedicam ao teatro contemporâneo vão participar da Mostra Boa-nova, cuja organização contou com a colaboração da equipe do Grupo Galpão.


Nesta quinta, às 21h, a trupe mineira apresenta sua última montagem, 'De tempo somos – Um sarau do Grupo Galpão'. Atores executam ao vivo 25 canções de peças marcantes na trajetória da companhia, como 'Corra enquanto é tempo' (1988), 'Álbum de família' (1990) e 'Romeu e Julieta' (1992), além das mais recentes 'Tio Vânia' e 'Eclipse' (ambas de 2011).


A programação traz também performances dos grupos Armatrux, Primeira Campainha e Teatro Invertido, conhecidos por pesquisar novas linguagens das artes cênicas.

MOSTRA BOA-NOVA

  • 'De tempo somos – Um sarau do Grupo Galpão'. Quinta, às 21h.
  • 'Thácht'. Com Armatrux. Sexta, às 21h.
  • 'Noturno'. Com Grupo Teatro Invertido. Sábado, às 21h.
  • 'À tardinha no Ocidente'. Com Primeira Campainha. Domingo, às 16h, na Praça Sete. Entrada franca.
  • 'De banda pra lua'. Com Armatrux. Domingo, às 17h30.

 

Cine Theatro Brasil Vallourec, Praça Sete, Centro. R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia-entrada).



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS