Banksy grafita ruínas na cidade de Gaza. Veja vídeo!

Artista de rua britânico explorou paisagens e lugares abalados pelos conflitos na região

por Fernanda Machado 03/03/2015 10:37

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
 AFP Photo
Arte de Banksy em Gaza (foto: AFP Photo)
Banksy fez de novo: com o mais recente vídeo divulgado no canal do YouTube, o artista de rua britânico comprova um brilhantismo nascido não apenas da técnica de grafiti e da ousadia, mas da sensibilidade aliada a um senso crítico ácido e certeiro. O registro visual apresenta uma visita e intervenção de Banksy à Gaza, faixa do Oriente Médio marcado por conflitos e guerras. Em pouco mais de dois minutos, o artista apresenta paisagens e lugares abalados pelos constantes bombardeios nos últimos anos.

Pelos escombros da cidade, grafitou duras críticas à guerra na região. Pelas mãoes de Banksy, uma torre de vigia se transforma em carrossel para crianças. Um gato entendiado reflete a falta de opção de entretenimento para crianças que só conhecem a destruição (desde o início dos bombardeios, a entrada de cimento é proibida na região).

O vídeo marca o lançamento da campanha batizada de 'Make this the year YOU discover a new destination' (Faça com que esse seja o ano em que VOCÊ descobrirá um novo destino, em português). Simulando um vídeo comercial turístico, da música às frases de efeito, Bansky apresenta a destruição da cidade e convida o mundo a se importar.

Quem é
Praticamente uma figura do imaginário popular britânico, o artista resguarda a verdadeira identidade, que já foi, inclusive, objeto de leilão. Em mais de 20 anos, nunca revelou seu rosto publicamente, alimentando a teoria que nem seja uma pessoa real, mas sim várias pessoas no papel de uma só.

Polêmicas à parte, em 2010 o artista dirigiu um documentário, 'Exit through the gift shop', onde mostra um pouco de vida e do cotidiano dos street artists ingleses. Nos depoimentos, Banksy aparece sempre com o rosto coberto ou escurecido, claro. Apesar das críticas, as obras de Banksy, são vendidas por milhares de milhões de dólares em galerias de arte. As da rua, só têm um preço: a inquietação.

Confira vídeo da passagem de Banksy por Gaza:

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS