Leilão: escultura de Giacometti pode ser vendida por mais de R$ 240 milhões

'Carro' ('Chariot'), considerada um ícone da arte moderna, será leiloada em novembro em Nova York

por AFP - Agence France-Presse 06/10/2014 09:02

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
AFP Prevel
O escultor suíço Alberto Giacometti (1901-1966) (foto: AFP Prevel)
Uma escultura do suíço Alberto Giacometti, 'Carro' ('Chariot'), considerada um ícone da arte moderna, será leiloada em novembro em Nova York, e tem um valor calculado em mais de 100 milhões de dólares (R$ 240 milhões), anunciou a Sotheby's.

Ao lado da peça de Giacometti será leiloada também outra obra-prima do século XX, 'Cabeça' ('Tête'), do italiano Amedeo Modigliani, que deve chegar a 45 milhões de dólares.

"Poucas obras de arte capturam um momento histórico com o poder e a angústia de 'Carro' de Giacometti. Com suas conotações de cura, força e magia, esta heróica escultura é um símbolo da renovação que aconteceu depois da Segunda Guerra Mundial", afirmou Simon Shaw, co-diretor do departamento de Impressionismo e Arte Moderna da Sotheby's.

'Carro', concebida em 1950, deve superar 100 milhões de dólares no leilão de 4 de novembro, segundo Shaw. Há quatro anos, outra escultura de Giacometti, 'Homem que caminha I' ('Homme qui marche I'), foi vendida por US$ 104,3 milhões.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS