Cristiana Oliveira traz a comédia romântica 'Feliz por nada traz' a BH

Inspirada em livro de Martha Medeiros, a peça fala das inquietações femininas no mundo contemporâneo

por Ana Clara Brant 24/09/2014 10:03

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
GUSTAVO TARANTO/DIVULGAÇÃO
Luisa Thiré, Cristiana Oliveira e Felipe Cunha: cumplicidade dentro e fora do palco (foto: GUSTAVO TARANTO/DIVULGAÇÃO)
“Até hoje, não houve ninguém que não gostasse da nossa peça. Todo mundo sai supersatisfeito. Se o contrário ocorrer em BH, a gente devolve o ingresso”, brinca a atriz Cristiana Oliveira, que estará em cartaz hoje à noite, no Teatro Francisco Nunes, com a peça 'Feliz por nada', uma das atrações do 1º Festival de Comédias (Festicom). O evento vai até domingo e tem apoio da TV Alterosa, Estado de Minas, Aqui, Rádio Guarani e Portal Uai.


Desde que o espetáculo estreou no Rio de Janeiro, em outubro de 2013, o público prestigiou a comédia romântica inspirada no livro de crônicas de Martha Medeiros. Com direção de Ernesto Piccolo e adaptação de Regiana Antonini, o texto trata das complexidades do universo feminino e de temas como medos, sonhos, insatisfações, inseguranças, realização profissional, sexto sentido, a paixão e o amor.


“É uma delícia fazer essa peça, a equipe está superintegrada. Somos apenas seis pessoas – três atores e três na produção –, o que facilita na hora de viajar. Temos nos divertido muito dentro e fora do palco”, comenta Cristiana.


Ela faz o papel de Laura, casada há 15 anos e submissa ao marido. Certo dia, ela conhece Juliana, personagem de Luisa Thiré, e as duas se tornam grandes amigas. Laura começa a questionar sua vida. “Há identificação imediata do público feminino, as mulheres saem encantadas do teatro. Morrem de rir, mas também choram – não de tristeza, mas como se fosse uma catarse”, conta a atriz. “É uma produção extremamente contemporânea sobre amizade, traição, encontros e desencontros – enfim, coisas que vivemos no dia a dia”, destaca.


'Feliz por nada' tem o ator mineiro Felipe Cunha no elenco. Cristiana Oliveira explica o segredo do sucesso: “É uma comédia romântica de uma hora e pouco, que não é escrachada. As pessoas riem o tempo todo. Não é stand up com aquelas piadas bobas. O texto é muito bom, estamos inteiros no palco”, conclui.

 

De olho em 2015

 

Se nos palcos Cristiana Oliveira vive a engraçada Laura, na telinha ela interpreta Mariana, ex-delegada e prefeita da fictícia Monte Alegre, na série 'Animal' (GNT). A atração, que tem no elenco Edson Celulari e foi gravada no Rio Grande do Sul, já tem segunda temporada confirmada, com locações na Patagônia. “Vamos gravar de maio a julho do ano que vem”, conta a atriz.


Outro projeto para 2015 é o lançamento do livro 'Dez anos mais jovem', título sugerido pela Editora Planeta. Cristiana vai revelar os problemas que enfrentou quando estava acima do peso, além de falar sobre anorexia e dar dicas sobre como manter o corpo saudável aos 50 anos.

 

Confira a programação do 1º Festicom

 

ACREDITE, UM ESPÍRITO BAIXOU EM MIM
Teatro Alterosa. Avenida Assis Chateaubriand, 499, Floresta, (31) 3237-6611. Nesta quarta, às 20h.


ALFREDO VIROU A MÃO
Teatro Marília. Sábado, às 21h; domingo, às 19h.


COMO SOBREVIVER EM FESTAS E RECEPÇÕES COM BUFFET ESCASSO
Teatro Francisco Nunes. quinta e sexta-feira, às 21h. 


COMI UMA GALINHA E TÔ PAGANDO O PATO
Teatro da Cidade. Sábado, às 21h; domingo, às 19h.


HOMEM É TUDO IGUAL, NÃO VALE 1 REAL
Teatro da Maçonaria. Sábado, às 21h; domingo, às 19h.


LISBELA E O PRISIONEIRO
Teatro Marília. quinta e sexta-feira, às 21h.


MEU TIO É... TIA!
Espaço Cultural Imaculada. Nesta quarta, às 20h; amanhã e sábado, às 20h30.


MINHA MULHER SE CHAMA MAURÍCIO
Teatro Francisco Nunes. Sábado, às 21h.


O MARIDO DA MINHA MULHER

Teatro Alterosa. Sexta-feira e sábado, às 21h; domingo, às 19h.


OS HOMENS QUEREM CASAR E AS MULHERES QUEREM SEXO
Teatro da Cidade. Quarta e quinta, às 20h30.


POR ACASO, NÃO CASO

Teatro Santo Agostinho. Sexta-feira e sábado, às 21h; domingo, às 19h.


ROSE, A DOMÉSTICA DO BRASIL

Teatro Nossa Senhora das Dores. Sexta-feira e sábado, às 21h; domingo, às 19h.



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS