Assis Benevenuto discute papeis na sociedade brasileira a partir do universo escolar em 'Dente de Leão'

Peça é a primeira do grupo Espanca! sem assinatura de Grace Passô

por Ailton Magioli 11/09/2014 09:34

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Gabriel Caram/divulgação
Até dia 22, a peça 'Dente de leão' ficará em cartaz no CCBB (foto: Gabriel Caram/divulgação )
Três anos depois de passar no vestibular de veterinária, enquanto tentava medicina, Assis Benevenuto experimentou uma reviravolta em sua vida ao se matricular em um curso de teatro da Fundação Clóvis Salgado. Ator e autor do Quatroloscinco e do Espanca!, ele assina 'Dente de leão', o sexto espetáculo de carreira do segundo grupo, que estreia hoje em BH.

É a primeira peça do Espanca! sem a assinatura da dramaturga, atriz e diretora Grace Passô, que deixou a companhia. Marcelo Castro dirige a peça, cujo elenco reúne Gustavo Bones, o único remanescente da formação original, e os convidados Lira Ribas, Gabriela Luiza e Raysner de Paula, além de Alexandre de Sena e Gláucia Vandeveld, que já fizeram outros trabalhos com a companhia.

A partir do universo escolar, Benevenuto discute o lugar de cada um na sociedade brasileira. A tradicional feira de ciências, realizada em colégios pelo país afora, é o canal para três adolescentes questionarem seu papel na escola, na família e no mundo.

O diretor Marcelo Castro conta que tudo começou quando o Espanca! recebeu convite para o Festival de Cenas Curtas, do Galpão Cine Horto, durante o auge das manifestações de rua do ano passado. “Fizemos 'Onde está o Amarildo?' quando encontramos o Assis, que acabou escrevendo Dente de leão”, recorda. De acordo com ele, a trama revela uma nova tendência do Espanca!, que planeja trabalhar com questões políticas.

Grace Passô continua colaborando com os espetáculos do grupo. “Mas claro que a ausência dela na nova encenação acabou mexendo. Grace é uma supercriadora. Costumo dizer que ela é uma gênia”, ressalta o diretor. “Como um coletivo teatral sobrevive exatamente por ser mutável, da mesma forma que sai alguém do núcleo de criação, entra gente nova”, conclui Marcelo Castro.

'DENTE DE LEÃO'
CCBB. Praça da Liberdade, 450, Funcionários. Quarta, quinta, sexta e segunda-feira, às 20h; sábado e domingo, às 19h. Até dia 22. R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia-entrada). Informações: (31) 3431-9400.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS