Dudude Herrmann e Marco Paulo Rolla se apresentam na Funarte

Atores convidam o público a participar de performance na capital

por Carolina Braga 09/09/2014 10:28

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Lana Maia/Divulgação
Dudude Herrmann e Marco Paulo Rolla criaram encenação a partir de experiências individuais (foto: Lana Maia/Divulgação)
Amigos de longa data, quando Dudude Herrmann e Marco Paulo Rolla se encontram artisticamente, nem eles mesmos sabem ao certo o que sairá de cada apresentação. No caso de 'VAGA – Uma experiência de ocupação', a incógnita pode ser até maior. O espetáculo, que teve as primeiras apresentações durante o Ano do Brasil em Portugal, na cidade do Porto, é uma poética licença para criações diversas. “É um trabalho que nasceu com uma vontade de ser um espaço aberto para o improviso e a necessidade de invenção”, resume Marco Paulo.

Nas apresentações que a dupla faz nesta terça e quarta e nos dias 16 e 17 na Funarte MG, a ideia é instigar o espectador a completar os devaneios dos artistas. Seja nas carreiras solo ou quando criam juntos, Dudude e Marco Paulo Rolla nunca deixam de lado o modo como olham o mundo. Nesse sentido, 'VAGA' carrega, à sua maneira, críticas sobre o atual modus operandi da cultura.

“Temos sido sufocados pelas realidades da cultura. Há uma necessidade do mercado de arte de sempre ter projetos, e isso não é só no Brasil. A humanidade aceitou que é assim e a criação tem ficado dominada por esse pensamento”, analisa o performer. Para Marco Paulo Rolla, essa condição prejudica o bem-vindo devaneio.

Se apoiando na metáfora de vaga como espaço vazio, a montagem propositalmente deixa lacunas para a compreensão do público. O negócio é deixar espaço para que cada um compreenda como queira, reflita as situações encenadas de uma maneira que reverbere nas realidades individuais . O objetivo é tirar o espectador de um local seguro, óbvio, e convidá-lo a embarcar na proposta dos artistas.

A encenação nasce de um mix das experiências dos dois. Dudude Herrmann tem mais de 30 anos de história na dança e na performance. Marco Paulo Rolla, por sua vez, trilha caminhos nas artes plásticas, na criação de figurino e também na dança contemporânea. Como as habilidades dos dois norteiam a ocupação do espaço, a imagem, a música e a poesia são ferramentas para o exercício da sensibilidade em vários formatos.

 

SAIBA MAIS
Dupla dinâmica

'VAGA– Uma experiência de ocupação' é o terceiro encontro de Dudude e Marco Paulo. A primeira vez que dividiram o palco foi durante o Festival de Cenas Curtas do Galpão Cine Horto, em Tanque – Uma ópera molhada (2003). Retomaram a criação conjunta em 2008, com Disyquilibrio.

 

'VAGA – Uma experiência de ocupação'
Terça e quarta e nos dias 16 e 17. Funarte MG, Rua Januária, 68, Floresta, (31) 8416-0452.  Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS