Quik Cia de Dança apresenta espetáculo em três espaços da capital mineira

Museu Mineiro será o palco para ' Ressonâncias' , durante o fim de semana

por Carolina Braga 20/06/2014 07:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Marco Aurelio Prates/Divulgação
Rodrigo Quik e Letícia Carneiro interagem com o publico em 'Ressonâncias' (foto: Marco Aurelio Prates/Divulgação)
Em clima de Copa do Mundo, os bailarinos Letícia Carneiro e Rodrigo Quik estão interessados em um jogo bem diferente daquele que rola nos estádios. Em 'Ressonâncias', espetáculo de dança que apresentam este fim de semana no Museu Mineiro, o bate-bola será entre os bailarinos, o espaço, a cena, o músico, o público. “O que nos interessa é ser instigado por outros artistas, receber outros estímulos”, apresenta Letícia.


Tendo como convidado especial o músico Antônio Moreira, Letícia e Rodrigo estarão abertos à improvisação na área externa do museu, a partir das 16h. “É um trabalho em processo total”, conta a bailarina. Ressonâncias vem sendo construído assim desde 2012, quando iniciaram essa pesquisa focada na improvisação na dança. Aliás, desde 2006 essa vertente é explorada pela Quik Cia de Dança.

Como não há palco, os artistas transitam no espaço escolhido para a apresentação. O público vai chegando e oferecendo novas oportunidades de interação. A música a ser executada por Antônio Moreira é uma delas. Como Letícia Carneiro ressalta, o convite é para ressonâncias variadas.

A apresentação faz parte do projeto Ressonâncias e brasilidades, composto por várias ações ao longo do ano. Até 6 de julho, a montagem ainda vai circular pelo Museu Histórico Abílio Barreto, pela Funarte MG e pelo Sesc Palladium.

RESSONÂNCIAS
Amanhã e domingo, às 16h. Área externa do Museu Mineiro, Av. João Pinheiro, 342, Centro. (31) 3269-1109 Entrada franca.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS