Homenagens à obra de James Joyce estão marcadas em Belo Horizonte

Celebrações na Casa Una de Cultura incluem intervenções artísticas, filmes e leituras ilustradas de livros do escritor irlandês

por Carolina Braga 16/06/2014 00:13

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
AP File
O escritor irlandês James Joyce será lembrado em leituras e filmes (foto: AP File)
Quando Ione de Medeiros, diretora do Grupo Oficcina Multimedia, se põe a falar sobre o escritor irlandês James Joyce, a conversa parece não ter fim. “Tenho certeza de que se passasse o resto da minha vida lendo seus livros não me cansaria”, diz. Este ano, Ione completa 24 edições do Bloomsday, comemoração realizada no mundo todo em 16 de junho, dia em que se passa a ação do romance 'Ulisses', obra-prima de Joyce.

A Oficcina Multimedia escolheu o nome 'Chuva de James Joyce' para o evento que vai ocupar hoje, a partir das 18h, a Casa UNA de Cultura. O título se deve a uma instalação homônima, na qual o público poderá ler – e ouvir – fragmentos de textos de Joyce. “Os bilhetes ficam suspensos e as pessoas podem pegar e levar para casa”, explica Ione. Segundo ela, a cada ano procura fazer com que mesmo quem nunca ouviu falar do escritor se aproprie de alguma forma da obra dele. “A gente sempre tenta que o público possa materializar, pega-los e ter um acesso direto pela leitura ou pela escuta”, completa.

Outra novidade desta edição do Bloomsday são leituras ilustradas de dois contos da obra Dublinenses. Em “Um caso doloroso”, além da leitura será feito um desenho ao vivo. Já de “Eveline”, da mesma obra, haverá uma exibição de vídeo para além do texto. A escolha dos contos se deve ao centenário de Dublinenses.

A preocupação, segundo Ione de Medeiros, é sempre aproximar a obra joyciana do público. Como ela conta, nem o próprio James Joyce se contentaria em atender apenas os eruditos. “Ele não queria distanciar e nem elitizar, tanto que publicou em fascículos. Queria ser lido e não ficar em um pedestal”, explica. Pensando nessa lógica, o Bloomsday também terá instalações que contam com participação mais lúdica dos visitantes.

Na seara audiovisual, serão exibidos vídeos de edições passadas do evento, assim como dois documentários. O primeiro, de 1977, é O retrato do artista quando jovem, do diretor Joseph Strick; e o segundo é oferecido pelo Canal Curta!, da série Grandes escritores – James Joyce. Durante todo o período do evento haverá venda de livros. O público também será convidado a degustar um café especial, oferecido pelo Villa Café, e brindar ao escritor com um chope irlandês produzido pela Cervejaria Falke Bier ao som da banda mineira The Celtas.


BLOOMSDAY 2014
Segunda, das 18 às 22h. Casa Una de Cultura. Rua Aimorés, 1.451, Lourdes, (31) 3235-7314. Entrada franca.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS