'Bata-me (Popwitch)', da Companhia Madame Teatro, estreia em BH neste fim de semana

Espetáculo será encenado no Espaço Cento e Quatro, desta sexta até domingo

por Fernanda Machado 13/06/2014 08:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Guto Muniz/Divulgação
(foto: Guto Muniz/Divulgação)
Atores do Brasil, Austrália e Portugal estão no palco em peça multimídia bilíngue. 'Bata-me (Popwitch)', da Companhia Madame Teatro, com direção de Diego Bagagal (dramaturgo e diretor mineiro formado pela London International School of Performing Arts), é um mergulho experimental e pessoal na cultura pop.


As referências do espetáculo vão da cultura regional mineira à Factory, de Andy Warhol. No texto estão fragmentos de Fernando Pessoa, Fados de Coimbra e versos de Carlos Drummond de Andrade, emaranhados em clima pop e kitsch. Para o diretor, que também já trabalhou com o Grupo Galpão, a criação da peça é o encerramento de seu ciclo de pesquisas sobre o pop, que teve início com 'The witch and the grog – Pop version' (2009) e seguiu com 'Pop love' (2010).


“Nesse trabalho experimento com alguma acidez as dores e delícias de um pensamento otimista em relação à tolerância racial, religiosa, cultural e, principalmente, sexual. É uma busca pela captura da paixão, da obsessão e do espírito desses seres, em princípio, bidimensionais. É a minha versão desmistificada dos contos de fadas. Novas camadas são percebidas e realçadas como a sexualidade e a relação debochada com a vida. É 'Snow White' and 'The Seven Dwarfs 5D'”, diz Bagagal.

 

BATA-ME! (POPWITCH)
Espetáculo com a Companhia Madame Teatro. Hoje a domingo, às 20h. Espaço Cento e Quatro, Praça Ruy Barbosa, 104, Centro, (31) 3222-6457. Entrada franca.



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS