Paixão de Cristo é revivida por dois percursos no Santuário Nossa Senhora da Piedade, em Sabará

Fiéis podem se aproximar do momento bíblico com trajeto na Região Metropolitana de BH

por Ailton Magioli 18/04/2014 11:27

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Marcos Michelin/EM/D.A Press
Via Sacra é relembrada pelo caminho de três horas em Sabará (foto: Marcos Michelin/EM/D.A Press)
Quem quiser reviver os passos da Paixão de Cristo em plena sexta-feira santa tem duas opções de via-sacra no Santuário Nossa Senhora da Piedade, em Caeté, a 48 quilômetros de Belo Horizonte. Para tanto, basta escolher entre o percurso mais longo, na estrada vicinal que dá acesso ao santuário, ou o curto, próximo à ermida e ao calvário. Localizado a 1.746 metros acima do nível do mar, o templo turístico-religioso oferece aos visitantes cenário de raríssima beleza natural, no alto da montanha, um convite à reflexão e à oração.

“A cada ano, aumenta o número de participantes”, conta o padre Carlos Antônio da Silva, pró-reitor do santuário, ressaltando a crescente divulgação do espaço, tanto no aspecto espiritual quando turístico. Segundo Cássia Paes, secretária de Turismo de Caeté, o objetivo do órgão é fazer com que os cerca de 3 mil romeiros que visitam o lugar semanalmente (aos domingos, principalmente) desçam para a cidade. “Nosso interesse é divulgar o município”, esclarece a secretária, anunciando o trabalho conjunto entre órgão e santuário, a partir deste ano, para o controle de visitação ao local.

A opção de trajeto maior da via-sacra começa às 7h de hoje, ao pé da serra, e contempla todos os passos de Jesus rumo ao calvário. São três horas de caminhada, remetendo a prática que os antigos faziam na montanha, que atrai cada vez mais novos adeptos. Já a opção de percurso menor (de cerca de uma hora de caminhada) é feita em horários livres, à medida em que os grupos chegam e vão se organizando. A caminhada parte da Igreja Nova das Romarias e segue até a ermida da padroeira, Nossa Senhora da Piedade, que também tem os passos da Paixão decorando o espaço.

Um dos dias mais concorridos do santuário, a sexta-feira santa tem também a solene ação litúrgica da Paixão do Senhor, às 15h, na igreja – este é o único dia do ano em que a Igreja Católica não celebra a eucaristia.

“São leituras, orações e adoração da cruz em um dia que a igreja guarda o silêncio”, explica o vice-reitor. Este ano, inovando com o sermão das sete palavras, realizado a partir das 18h, na Igreja Nova das Romarias, a celebração contará com a participação do Coral Juvenal Alves Vilela, de Caeté, que interpretará oratório sacro (de Mozart e Bach), para lembrar os sete dias que mudaram o mundo.

Observatório astronômico
Também localizado no alto da Serra da Piedade, o Observatório Astronômico Frei Rosário, da UFMG, atrai o público interessado também nos mistérios da ciência. Atualmente, o espaço recebe grupos (de amigos, escolas etc.), às terças (18h às 21h) e quintas-feiras (19h às 22h), sendo necessário o agendamento da visita. Informações: (31) 3409-5679 ; e-mail: astrovis@fisica.ufmg.br.

VIA-SACRA NO SANTUÁRIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE
Hoje, a partir das 7h, na Serra da Piedade, s/nº, Caeté. Informações: (31) 3651-6335.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS