Tela do espanhol Juan Gris é leiloada por US$ 57 milhões

A obra 'Nature morte à la nappe à carreaux' teve o valor mais alto pago por uma obra do madrileno

por AFP - Agence France-Presse 06/02/2014 09:37

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Leon Neal/AFP
(foto: Leon Neal/AFP)
Um quadro do pintor espanhol Juan Gris alcançou US$ 57 milhões em um leilão realizado em Londres, nesta terça-feira, marcado pela retirada, horas antes, de 85 obras de Joan Miró por um litígio.

'Nature morte à la nappe à carreaux' foi vendido por 34,8 milhões de libras (US$ 57,1 milhões) no leilão de arte impressionista e moderna da Casa Christie's, que acontece hoje e amanhã.

Esse é o valor mais alto já pago por uma obra do madrileno, informou a Christie's. 'Nature morte à la nappe à carreaux' é um óleo de 1915, com preço inicial estimado entre 12 e 18 milhões de libras (entre US$ 20 milhões e US$ 30 milhões).

A tela pertencia a uma coleção particular de um "casal prominente nos meios culturais da Suíça e da Europa, particularmente nas décadas centrais do século XX", informou a Christie's, sem revelar seu nome.

No mesmo leilão, o quadro do também espanhol Pablo Picasso 'Femme au costume turc dans un fauteil' (1955), um retrato de sua amante e depois esposa Jacqueline Roque vestida de odalisca, foi vendido por 16,8 milhões de libras (US$ 27,7 milhões).

A tradicional venda de arte impressionista e moderna das grandes casas de leilão do mundo foi marcada pelo anúncio da retirada de 85 obras do espanhol Joan Miró, alvo de disputa judicial entre o governo conservador de Portugal e a oposição socialista.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS