Exposição 'Segunda parábola' de Gil Vicente é aberta nesta quinta

Artista causou polêmica após desenhar a si mesmo matando Lula, Fernando Henrique Cardoso e a rainha da Inglaterra

por Estado de Minas 17/10/2013 09:37

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Gil Vicente/divulgação
Gil Vicente expõe desenhos em BH (foto: Gil Vicente/divulgação)
O pernambucano Gil Vicente traz a exposição de desenhos 'Segunda parábola' a BH. Quinta-feira, às 19h, a mostra será aberta na Quadrum Galeria de Arte. Aos 55 anos, o artista é um dos destaques de sua geração.

“Jogando com enorme economia de meios, Gil Vicente encontrou no nanquim, mas também no carvão, uma possibilidade contemporânea do retrato, potenciando a relação entre o gráfico e o pictórico que identificamos como eixo de sua atividade criativa desde os primeiros anos”, afirma a curadora Inês Grosso. De acordo com ela, o virtuosismo ligado ao domínio técnico se tornou valor inequívoco do trabalho do pernambucano. “De um lado, plural e persistente; por outro, ele cria uma espécie de aura sombria para o rosto, que surge velado por tinta translúcida numa poética que exalta a dimensão interior do ser humano”, observa ela.

Em 2010, os trabalhos de Gil causaram polêmica na 29ª Bienal de São Paulo. Ele desenhou a si mesmo matando Lula, Fernando Henrique Cardoso e a rainha da Inglaterra, entre outras personalidades da política.

SEGUNDA PARÁBOLA
Desenhos de Gil Vicente. Abertura nesta quinta-feira às 19h. Quadrum Galeria de Arte, Avenida Prudente de Morais, 78, Cidade Jardim, (31) 3296-4866. De segunda a sexta-feira, das 12h às 19h; sábado, das 10h às 14h. Até 9 de novembro.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS