Festival Artes Vertentes anima ruas de Tiradentes até o dia 22 de setembro

Edição deste ano irá homenagear Ferreira Gular. O poeta palestra nesta quinta-feira, no Centro Cultural Yves Alves

por Carolina Braga 12/09/2013 07:40

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Festival Artes Vertentes/Divulgação
A soprano Eliane Coelho fará recital esta noite na Matriz de Santo Antônio, em Tiradentes (foto: Festival Artes Vertentes/Divulgação )
Com uma homenagem a Ferreira Gullar, começa nesta quinta-feira em Tiradentes a segunda edição do Festival Artes Vertentes. Até dia 22, igrejas, palcos e ruas da cidade serão ocupados por expressões artísticas variadas, como música, poesia e teatro. “Queremos continuar nessa linha curatorial. Manter o diálogo entre as artes que se transbordam, convidando artistas de Minas Gerais, do Brasil e do mundo”, frisa a diretora executiva, Maria Vragova.

A escolha do poeta como a figura principal da edição de 2013 tem a ver com o objetivo do evento de manter-se versátil. “No
ano passado foi o Nelson Freire e agora convidamos um escritor de propósito. Não queremos estar associados à música clássica. A ideia é passar por todos os segmentos”, detalha Vragova, ressaltando a palestra de Ferreira Gullar hoje, às 18h.

Na cerimônia de abertura, alunos da cidade foram escolhidos para ler poesias do autor e também trabalhos autorais sobre liberdade, o tema desta edição. “Coroar o Ferreira simboliza essa liberdade artística. Ele nunca ficou preso a um ramo da arte”, completa a diretora. Também hoje, às 20h30, está prevista a apresentação da soprano Eliane Coelho, na Matriz de Santo Antônio. O programa será dedicado ao romantismo alemão, em referência ao Ano da Alemanha no Brasil.

Ainda na literatura, será lançada a revista Modo de usar e a primeira antologia em língua portuguesa da poetisa Tal Nitzán, uma das mais importantes escritoras de Israel na atualidade. No cinema, o destaque é o filme Farol, da cineasta armena Maria Saakyan, já exibido em festivais importantes como Rotterdã, Berlim e Moscou.

Na programação de exposições, destaque para a mostra dedicada ao ilustrador mineiro Nelson Cruz e também a exibição da obra do fotógrafo Vladimir Lagrange. A programação do Festival Artes Vertentes contemplará, ainda, o ciclo integral das sonatas de Beethoven para piano, interpretadas por quatro pianistas, e as sonatas para piano e violoncelo, com o violoncelista alemão Julian Arp.

Festival Artes Vertentes

Até dia 22
Local: Centro Cultural Yves Alves
Endereço: Rua Direita, 168, Centro
Os ingressos para os concertos nas igrejas custam R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada)
Informações: (32) 3355-1503

Programação

» QUINTA-FEIRA
• 6h – Abertura das exposições Assim vivíamos, de Vladimir Lagrange; Assemblage, de Toni de Castro e Passeio Neoconcreto, de Caetano Dias, no Centro Cultural Yves Alves
• 18h – Palestra com o poeta Ferreira Gullar no Centro Cultural Yves Alves
• 20h30 – Concerto de abertura com a soprano Eliane Coelho e o pianista Luiz Gustavo Carvalho – Matriz de Santo Antônio. R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS