Gregório Duviver apresenta neste final de semana Uma Noite na Lua, do diretor João Falcão

Ator encara o palco e troca a graça pelo drama. "A peça une humor e poesia, coisas raras de que mais gosto na vida", ressalta

por Carolina Braga 30/08/2013 11:47

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Renato Mangolin/divulgação
(foto: Renato Mangolin/divulgação)
Para muitos, pode parecer ousadia. Afinal, a montagem de 'Uma noite na lua', com texto de João Falcão e estrelada por Marco Nanini, foi considerada definitiva ao estrear em 1998. O discurso de quem viu a peça era: dificilmente alguém conseguirá igualar o feito. Pois Gregório Duvivier, de 27 anos, bancou o desafio. E mostra que, pelo menos no teatro, o raio pode cair duas vezes no mesmo lugar. Neste sábado e domingo, o espetáculo ficará em cartaz no Teatro Sesiminas.

“Escolhi esse monólogo por ter a sensação de que as pessoas precisavam vê-lo, até mais do que eu precisava fazê-lo. É um texto muito precioso. Une humor e poesia, coisas raras de que mais gosto na vida”, elogia. O ator garante: a proposta foi totalmente renovada pelo diretor João Falcão. “Desde aquela época, ele ficou com a pulga atrás da orelha para descobrir como a peça funcionaria sem cenário”, explica.

Se na primeira versão havia ambientação grandiosa, o novo projeto busca o oposto. A escolha foca o essencial do teatro: a combinação entre texto e ator. “A montagem ressalta a poesia e a beleza do texto, além do diálogo com o espectador”, resume Duvivier.

'Uma noite na lua' acompanha a madrugada angustiante de um autor em crise criativa. Ele tem apenas uma noite para criar uma peça. “O texto fala de momento que eu mesmo vivo: ter de escrever lidando com prazos galopantes. Essa peça é quase um thriller”, adianta Duvivier.

Curiosamente, crise criativa não combina em nada com o ator. Formado em letras, Duvivier atua na cena teatral carioca há pelo menos 10 anos. Frequentou aulas no Tablado, criou com Fernando Caruso, Marcelo Adnet e Rafael Queiroga o bem-sucedido 'Z.É – Zenas emprovisadas'. Estreou no cinema com participações em 'Apenas o fim', 'À deriva' e 'Vai que dá certo'. Como dramaturgo, ele criou 'Inbox' em parceria com a namorada, Clarice Falcão. Também chamou a atenção ao dividir o palco com Luis Fernando Guimarães no musical 'Como vencer na vida sem fazer força'.

Mesmo com esse currículo, é como humorista que Duvivier se torna cada vez mais popular. Ele é cofundador do canal de humor Porta dos Fundos, projeto da internet que o ajuda a conquistar novos públicos.

Para o ator, percorrer o Brasil com 'Uma noite da lua' é uma chance e tanto de mostrar sua outra faceta. “A peça é triste e poética, representa um lado meu que não está presente em outras coisas que faço, como o Porta”, conclui.

UMA NOITE NA LUA


Texto e direção: João Falcão. Com Gregório Duvivier. Teatro Sesiminas. Rua Padre Marinho, 60, Santa Efigênia, (31) 3241-7181. Amanhã, às 21h; domingo, às 19h. Ingressos: R$ 70 (inteira) e R$ 35 (meia-entrada).

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS