Exposição ocupa grades do Parque Municipal com fotos aéreas de paisagens exuberantes

Artista francês Yann Arthus-Bertrand é o autor das imagens que colorem o hipercentro de Belo Horizonte até o mês de setembro

por Alice Maciel 22/07/2013 00:13

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Leandro Couri/EM/D.A Press
'A Terra vista do céu' reúne 130 registros fotográficos que revelam grandezas naturais (foto: Leandro Couri/EM/D.A Press)
A exposição 'A Terra vista do céu' encanta quem passa pela Avenida Afonso Pena, no Centro de BH. As grades do Parque Municipal se transformaram em galeria para receber 130 trabalhos de Yann Arthus-Bertrand, um francês que descobriu a fotografia por meio da ciência.

Quando viajou para o Quênia, na África, aos 30 anos, para estudar uma família de leões, ele nem sonhava ser fotógrafo. Enquanto sua mulher, Anne, escrevia, ele retratava os animais. “Percebi que as fotos davam um plus, algo que a escrita, sozinha, não conseguia descrever”, conta Bertrand. Ele trabalhava também como piloto de balões para sobreviver. Mas até descobrir o universo das imagens aéreas, passou 10 anos cuidando de animais em uma reserva natural em seu país.

Aos 67 anos, Yann é um dos mais renomados fotógrafos e documentaristas ambientais contemporâneos. “Não sou formado em nada, sou autodidata. Mudei 14 vezes de escola”, diz ele, sorrindo. Autor de quatro livros, Yann se dedica agora ao longa-metragem 'Human', que vai tratar de sustentabilidade. O filme será rodado em 40 países.

Leandro Couri/EM/D.A Press
Autodidata, artista francês faz questão de cuidar pessoalmente da manutenção de suas obras (foto: Leandro Couri/EM/D.A Press)
Antes da abertura da exposição em BH, Yann cuidava pessoalmente de tirar a poeira de suas fotos. “Ele é superdetalhista, você não faz ideia”, revela Emmanuelle Boudier, coordenadora-geral do projeto. As 130 imagens se juntam a um mapa-múndi de 200 metros quadrados. A ideia surgiu durante a Eco 92, realizada no Rio de Janeiro há 21 anos.

“Fui muito influenciado pela obra do Sebastião Salgado. Como gosto particularmente das vistas aéreas, resolvi fotografar o planeta para mostrar tanto sua beleza quanto o impacto do homem sobre ele”, observa. 'A Terra vista do céu' passou pelo Rio de Janeiro e por Brasília. O fotógrafo aproveitou a visita a BH para fotografar a capital, Inhotim e a região de Ouro Preto. Algumas dessas imagens serão incluídas na mostra que ficará em cartaz na capital paulista.

A TERRA VISTA DO CÉU
Parque Municipal Américo Renné Giannetti. Av. Afonso Pena, 1.377, Centro. Diariamente, até 1º de setembro.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS