Sempre um papo recebe os escritores Mario Sergio Cortella e Janete Leão Ferraz

Filósofo lança 'Não se desespere: provocações filosóficas', enquanto sua mulher divulga o livro 'De top model a ex-obesa: uma relação íntima com a balança'

por Estado de Minas 01/07/2013 06:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Olho Digital/Divulgação
O casal Mario Sergio Cortella e Janete Leão Ferraz lança livros hoje, em BH (foto: Olho Digital/Divulgação)
Ex-professor da PUC-SP, onde deu aulas durante 35 anos, filósofo e escritor com vários livros publicados, Mario Sergio Cortella e sua mulher, a jornalista, roteirista e ex-modelo Janete Leão Ferraz, estão nesta segunda em Belo Horizonte, para lançar os livros 'Não se desespere: provocações filosóficas' e 'De top model a ex-obesa: uma relação íntima com a balança' e conversar com o público do projeto Sempre um papo.

Cortella é conhecido por sua habilidade em tratar temas filosóficos com clareza, trazendo reflexões dos pensadores para os problemas do cotidiano. A receita para viver bem? Não existe, mas pode estar em fórmulas simples, como sugere na crônica “Vida, minha vida, olha o que é que eu fiz?”, numa alusão à canção de Chico Buarque.

“O que fazer para ter a paz interior? Provocar situações, individuais ou em parceria, nas quais aquela sensação mental possa vir à tona: ouvir música que emociona, cozinhar com a família, ver a lua junto, meditar silente, jogar truco, dar uma ótima aula, admirar obra feita por mim ou por aqueles que comigo partilham a vida...”, ensina. Como este, em vários outros textos, Cortella parte de algum trecho de canções de compositores famosos ou de escritores e filósofos para, em seguida, fazer suas reflexões, aproximando sempre do dia a dia .

Já em 'De top model a ex-modelo', Janete Leão Ferraz narra em primeira pessoa como de uma hora para a outra, devido a uma série de fatores – incluindo a extração da tireoide, em decorrência de um câncer –, ela viu sua vida se transformar completamente. Modelo e manequim, com corpo perfeito, chegou a pesar 135 quilos, além de não ter, em uma certa fase, controle sobre a alimentação. Comia compulsivamente. Às vezes, no meio da noite, quando o marido estava dormindo, assaltava a geladeira. “Comia tudo às pressas”, confessa.

Como conseguiu lutar contra toda essa adversidade, até colocar novamente sua vida no rumo, é o que ela, às vezes de forma emocionada, relata no livro. Além da sua experiência pessoal, há mais de 20 anos Janete dedica-se à pesquisa e estudo das questões sociais e comportamentais ligadas aos transtornos alimentares e aos problemas ligados à obesidade.


Não se desespere – PROVOCAÇõES FILOSÓFICAS
Lançamento do livro de Mario Sergio Cortella, segunda-feira, às 19h30, no auditório da Cemig, Avenida Barbacena, 1.200, Santo Agostinho. Na ocasião será também lançado 'De top model a ex-obesa, uma relação íntima com a balança', de Janete Leão Ferraz. Projeto Sempre um papo, entrada franca, informações: (31) 3261-1501.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS