Escola de Música de São Brás do Suaçuí oferece a oficina 'A rítmica Dalcroze: uma educação por e para a música'

Palestra será ministrada por Iramar Rodrigues

por Sérgio Rodrigo Reis 10/06/2013 00:13

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
A região do Campo das Vertentes é conhecida pela tradição musical. Desde os tempos coloniais, as celebrações religiosas eram engrandecidas pelo canto entoado por gente simples e por composições de rara beleza. A vocação permaneceu e, há 12 anos, quando a Escola de Música de São Brás do Suaçuí iniciou as atividades, a tradição floresceu com intensidade que honra o passado da região.

Boa parte do êxito da iniciativa se deve ao método de ensino utilizado, inspirado em teorias desenvolvidas por Émile Jacques Dalcroze (1869-1950). Coube a ele criar, em 1930, um sistema de ensino rítmico-musical, que se tornou mundialmente difundido. A oportunidade de conferir como funciona o método acontece de hoje a sexta-feira com oficina que será ministrada na sede da instituição.

'A rítmica Dalcroze: uma educação por e para a música' será ministrada por Iramar Rodrigues. Serão desenvolvidas atividades que pretendem difundir as bases filosóficas e metodológicas da pedagogia Dalcroze e a sua aplicabilidade a diferentes disciplinas, grupos e níveis de formação. “Mobilizar novamente movimentos harmoniosos, sentimentos autênticos e expressá-los de forma natural e espontânea são os grandes desafios a que Dalcroze se propõe. Ele usa a música como forma de desenvolver e harmonizar as funções corporais”, explica Maria Christina Amâncio, diretora da Escola de Música.


A rítmica Dalcroze
Desta segunda a sexta-feira na Escola de Música de São Brás do Suaçuí, Avenida Ribeiro de Oliveira, 292, Centro, São Brás do Suaçuí. Vagas limitadas, R$ 150. Informações: (31) 3738-1709 e comunicacao.emsbs@gmail.com

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS