Filho de Vinicius de Moraes expõe retratos de amigos do pai

Pedro de Moraes coleciona fotografias de figuras importantes que acompanhavam seu genitor famoso

22/11/2012 09:20

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Pedro de Moraes/Divulgação
Pixinguinha fotografado pelo filho de Vinicius, Pedro de Moraes (foto: Pedro de Moraes/Divulgação)
 

O fotógrafo Pedro de Moraes ouviu sempre o pai famoso, o poeta Vinícius, repetir sobre os mais próximos: “... Amai amigos meus! Amai em tempo integral, nunca sacrificando ao exercício de outros deveres, este, sagrado, do amor. Amai e bebei uísque. Não digo que bebais em quantidades federais, mas quatro, cinco uísques por dia nunca fizeram mal a ninguém. Amai, porque nada melhor para a saúde que um amor correspondido”.

 

Na fala, registrada no texto Amigos meus, o “poetinha” discorre sobre o medo de perder amigos. Por vários momentos, o filho fotógrafo registrou esses encontros mais íntimos. O resultado será dividido com o público mineiro a partir desta quinta-feira, 22, em abertura para convidados da exposição Os amigos do meu pai, na Galeria Murilo de Castro.

A mostra é resultado de cinco anos de discussões. Esteve em curta temporada no Rio de Janeiro e, agora, chega a BH com 30 fotografias de amigos e de encontros de Vinícius de Moraes com grandes nomes da música, como Caetano Veloso, Chico Buarque, Tom Jobim, Gilberto Gil, Pixinguinha, Cartola, Edu Lobo, Maria Bethânia, Nara Leão, Ismael Silva e Baden Powel.

A exposição antecipa a série de efemérides que deverão tomar o próximo ano, em que o artista completaria 100 anos. Pedro teve uma relação próxima com o pai, sobretudo na juventude. Ele o acompanhou em suas andanças pela boemia carioca. Aprendeu muito sobre a bossa nova, a relação do pai com a vida e, acima de tudo, fotografou bastante.

O artista Pedro de Moraes nasceu no Rio de Janeiro, em 1942. É fotógrafo autodidata. Aos 12 anos, começou a frequentar o estúdio fotográfico dos irmãos José e Humberto Franceschi. Como fotógrafo free lancer, trabalhou para publicidade, arquitetura, foto industrial, moda, jornalismo e cinema. Já realizou mais de 15 exposições e publicou livros e trabalhou como diretor de fotografia em produções para o cinema.

Os amigos do meu pai
Exposição de fotografias de Pedro de Moraes. Abertura nesta quinta-feira, 22 de novembro, para convidados. Até 21 de dezembro, na Galeria Murilo Castro, Rua Antônio de Albuquerque, 377, sala 1, Savassi. De segunda a sexta, das 10h às 19h; sábado, das 10h às 14h. Informações: (31) 3287-0110 e www.murilocastro.com.br.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS