Jeferson de Andrade lança o livro de contos Os olhos do filho

Escritor autografa obra nesta terça e quarta-feira

por Carlos Herculano Lopes 18/09/2012 10:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Os 21 anos da ditadura civil militar, implantada no Brasil a partir de 31 de março de 1964, serviram como tema para Jeferson de Andrade escrever seu novo livro, Os olhos do filho são as medalhas do general, que ele autografa nesta terça e quarta-feira, em BH.
De acordo com o autor, os contos desse trabalho tanto significam uma exposição literária quanto um ato político de quem há muitos anos escreve para jornais, sempre atento à história do Brasil.
“O fato de a presidente Dilma Rousseff ter criado a Comissão da Verdade para investigar o passado tão recente da nossa história, com perseguidos políticos, assassinatos e muita repressão, foi momento oportuno para publicarmos essas histórias, que foram escritas nos últimos 30 anos”, conta o escritor.
Atualmente, Jeferson mora em Belo Horizonte e edita o jornal Folha do Padre Eustáquio. Ele se tornou conhecido em 1987, ao lançar Anna de Assis – História de um trágico amor (Codecri), a partir de depoimento dado por Judith Ribeiro de Assis sobre sua mãe, Anna, e seu pai, Dilermando de Assis. Em 1909, ele matou o escritor Euclides da Cunha por motivos passionais. O livro foi adaptado para a televisão e inspirou a minissérie Desejo.,
 
LANÇAMENTO
Os olhos do filho são as medalhas do general, histórias de ditaduras e da necessidade humana pelo poder. De Jeferson de Andrade. Editora Página Aberta, 77 páginas, R$ 20. Autógrafos nesta terça-feira, a partir das 20h, na Cantina do Lucas. Edifício Malleta, Avenida Augusto de Lima, 233, Centro. Nesta quarta, a partir das 19h, na Mangabeiras Pizzaria (Rua Progresso, 941, Padre Eustáquio).  


VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS