Dia do Patrimônio será celebrado na Praça da Liberdade

Evento terá como uma das atrações a confecção de um tradicional tapete de serragem

por Agência Minas 17/08/2012 14:22

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Um grande encontro vai celebrar o Dia do Patrimônio Histórico na Praça da Liberdade. A comemoração, realizada pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha/MG), Fundação de Arte de Ouro Preto (Faop) e o Circuito Cultural Praça da Liberdade, terá como uma das atrações a confecção de um tradicional tapete de serragem, fazendo uma releitura de uma das mais importantes manifestações culturais de Minas Gerais: os tapetes devocionais. No sábado, 18, a partir das 8h, as sombras das palmeiras da Alameda Travessia servirão de molde para a confecção do tapete, com motivos que homenageiam o patrimônio mineiro, formando a obra Árvore da Vida. A confecção do tapete contará com a participação de alunos da Faop e do Espaço Criança Esperança de Belo Horizonte, da Rede Globo. O público que estiver no local também será convidado a participar da montagem. Diversas atividades serão realizadas ao longo do Dia do Patrimônio Histórico na Praça. Haverá contação de histórias com funcionários da Copasa, apresentações musicais variadas, como Lira São Sebastião, de Resende Costa, Banda Jovem de Contagem, Sociedade Musical Santa Cecília, de Passagem de Mariana, Sociedade Musical Bom Jesus das Flores, de Ouro Preto, Coral do BDMG e o Vozes da Globo Minas. A exposição de colchas artesanais do município de Resende Costa e estandartes religiosos darão um colorido à praça – como se um pedaço do interior fosse trazido para a capital. Quem for até lá também poderá ver um tear centenário, trazido de Resende Costa, em pleno funcionamento – uma oportunidade para as pessoas conhecerem o tradicional artesanato do município. DIA DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO O Dia do Patrimônio Histórico é comemorado, no Brasil, em 17 de agosto, lembrando o nascimento do historiador e jornalista Rodrigo Mello Franco de Andrade (Belo Horizonte, 1898-1969). Profundamente ligado às questões de preservação do patrimônio, Rodrigo Mello Franco de Andrade dirigiu o Sphan, (atual Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – Iphan), da sua fundação em 1937 até 1967. Entre as montanhas mineiras, está guardado um rico patrimônio histórico e cultural, expresso em edificações centenárias, tradições artísticas, culinárias e populares de incomensurável valor. Reconhecer, valorizar e divulgar toda essa riqueza é o que motiva o Iepha/MG, a Faop e o Circuito Cultural Praça da Liberdade a promoverem essa grande celebração, tendo como cenário um dos principais ícones do patrimônio de Minas, a Praça da Liberdade. A homenagem será no sábado, dia seguinte à data comemorativa, possibilitando a participação da família mineira numa grande festa. Tapete Arte O projeto Tapete Arte é uma iniciativa da Faop inspirada na tradição dos tapetes devocionais que adornam as ruas com serragem tingida e outros materiais para receberem a Procissão da Ressurreição na manhã do domingo de Páscoa. O costume representa uma das mais notáveis expressões da criatividade popular, representando a devoção e a fé do povo mineiro. O Dia do Patrimônio Histórico na Praça é uma realização do Iepha, da Faop, integrantes do Sistema Estadual de Cultural, e do Circuito Cultural Praça da Liberdade, em parceria com a Sou BH, Vale, Copasa, Shopping Xavantes, BDMG Cultural, Casa UNA, Casa e Tinta, Viação Irmãos Teixeira, Ateliê e Receptivo Dedo de Prosa, Retech, SESC Minas Gerais, Leroy Merlin e Empresa de Ônibus São Gonçalo. A ação conta, ainda, com a parceria e o apoio cultural da Globo Minas.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS