Vídeo revela maus tratos nas gravações de Quatro Vidas de um cachorro

ONG de direito dos animais pede boicote ao filme, que estreia no dia 28 de janeiro

por Diário de Pernambuco 19/01/2017 11:12

Foto: TMZ/Reprodução
Uma cena de destaque é quando o animal se mostra assustado e, depois de entrar na água, submerge completamente, assustando as pessoas da produção. (foto: Foto: TMZ/Reprodução)
Um vídeo dos bastidores do filme Quatro vidas de um cachorro revela maus-tratos a um animal usado durante as gravações. Vazado pelo site de notícias norte-americano TMZ, o material mostra um pastor alemão sendo forçado a entrar uma piscina com correnteza para reproduzir uma cena em um rio. A PETA, uma organização internacional em defesa dos animais, já pediu boicote ao longa-metragem. 


O vídeo foi gravado clandestinamente em novembro de 2015 por um membro da equipe em uma locação na cidade de Winnipeg, no Canadá. Uma cena de destaque é quando o animal se mostra assustado e, depois de entrar na água, submerge completamente, assustando as pessoas da produção. De acordo com o site, o diretor da produção Lasse Hallström esteve presente em todos os momentos.

 

Nas redes sociais, ele negou a informação e se mostrou preocupado com os maus tratos. "Estou chocado com o vídeo divulgado hoje do set do meu filme Quatro vidas de um cachorro. Eu não presenciei essas ações. Estávamos todos comprometidos em fornecer um ambiente de amor e segurança para todos os animais no filme. Já fui prometido que uma investigação sobre esta situação já está acontecendo e que qualquer mau trato será reportado e punido. Sempre fui um amante dos animais e este é o meu terceiro filme sobre cachorros. A segurança dos animais é a prioridade máxima tanta para mim quanto para todos no set", escreveu ele no Twitter.

 

Ao TMZ, Amblin Partners e Universal Pictures, responsáveis por Quatro vidas de um cachorro, emitiram uma nota afirmando que irão investigar o caso. "Fornecer um ambiente seguro e garantir tratamento ético aos nossos animais-atores foi a coisa mais importante para aqueles envolvidos na produção deste filme e nós iremos investigar as circunstâncias envolvidas neste vídeo", dizia o comunicado.

 

Quatro vidas de um cachorro tem previsão de estreia para o dia 26 de janeiro e conta com Dennis Quaid, Britt Robertson e Logan Miller no elenco. Josh Gad, ator que dá voz ao cachorro, disse estar abalado: "Triste por ver qualquer animal colocado em situação contra a sua vontade". Ao site da revista norte-americana Variety, a ONG PETA convocou um boicote à produção. "Estamos chamando os amantes de cães para boicotar o filme, a fim de enviar a mensagem de que os cães e outros animais devem ser tratados com humanidade, não como adereços de filme", dizia a nota enviada.

 

Confira o vídeo:

 



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA