Nadador que inventou assalto na Olimpíada estreia no cinema com Sharon Stone

Além de Ryan Lochte, comédia vai contar ainda com atores das séries 'Scandal' e 'How to get away with murder'

por Diário de Pernambuco 19/10/2016 12:42

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

 NYT/Reprodução e Huffington Post/Reprodução
(foto: NYT/Reprodução e Huffington Post/Reprodução)
O nadador norte-americano Ryan Lochte, responsável por um dos momentos mais memoráveis dos Jogos Olímpicos Rio 2016, vai investir na carreira de ator. O primeiro filme do atleta, ganhador de 12 medalhas olímpicas, será ao lado de Sharon Stone, indicada ao Oscar por Cassino (1995). As informações são do site The Hollywood reporter.

O longa, A little something for your birthday, já está em produção. Trata-se de uma comédia romântica com Stone no papel de uma aspirante a estilista que tenta escapar das garras da mãe autoritária, interpretada por Ellen Burstyn (House of cards). Tony Goldwyn, o presidente Fitzgerald Grant de Scandal, e Famke Janssen, de X-Men e How to get away with murder, também fazem parte do elenco. Ainda não se sabe que papel Lochte deve interpretar. O filme, com direção e roteiro da estreante Susan Walter, deve chegar aos cinemas em 2017.

Em agosto deste ano, durante a Olimpíada no Rio de Janeiro, Lochte e mais três colegas de equipe afirmaram terem sido parados em uma falsa blitz quando voltavam para a Vila Olímpica, após uma noite de festa. Segundo os nadadores, os supostos policiais eram, na verdade, assaltantes. Após o início das investigações, contudo, dúvidas sobre o que realmente teria acontecido foram levantadas. Com vídeos de câmera de segurança, os policias descobriram que os atletas armaram uma confusão em um posto de gasolina na Barra da Tijuca, cometendo atos de vandalismo no banheiro do local e causando prejuízos ao dono, que chamou os seguranças do posto para ajudar.

 

"Arranquei um pôster da parede do posto e depois os seguranças tinham uma arma. Não posso dizer o que foi. Tudo o que sei é que havia uma arma apontada para a gente, e a gente teve que dar dinheiro", chegou a dizer Lochte em entrevista ao Jornal Nacional. Como resultado da farsa, Lochte perdeu todos os seus patrocínios e foi suspenso de competições nacionais e internacionais por 10 meses.

Atualmente, ele está no ar na televisão americana competindo no reality de dança Dancing with the stars. Logo no primeiro episódio da temporada, em agosto, dois homens invadiram o palco do reality durante a apresentação do nadador para protestar a presença dele no programa. Em entrevista ao site da New York Magazine, no último dia 16, Lochte afirmou que "nunca esteve tão mal" quanto nos dias que seguiram a controvérsia do Rio.

 

"Foi o momento mais escuro da minha vida. Passava dias sem sair de casa, com medo de encontrar alguém". Ele disse ainda que o reality foi uma das melhores coisas que lhe aconteceu. "Se eu não tivesse isso, não sei o que teria feito. O programa realmente me tirou de um buraco negro".

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA