Cena de beijo gay é excluída da releitura do longa 'A lenda de Tarzan'

Cineasta David Yates diz que beijo entre os atores Alexander Skarsgard e Christoph Waltz era ''quase demais''

por Correio Braziliense 11/07/2016 14:26

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Divulgação/Warner
(foto: Divulgação/Warner)
David Yates, diretor do longa-metragem A lenda de Tarzan, que está em exibição desde o início de julho nos Estados Unidos e estreia em 21 no Brasil, revelou na última semana em entrevista à revista The Times, que a cena de beijo entre o herói Tarzan, vivido por Alexandre Skarsgård, e o vilão Leon Rom, um soldado belga interpretado por Christoph Waltz, foi cortada da edição final da produção.

Na cena de beijo que apareceria na releitura da trama com o Rei das Selvas, Tarzan estaria desacordado quando Rom, atraído pelo jeito selvagem do herói, o beijaria.

Segundo o diretor, a audiência escolhida para testes de exibição teria ficado perplexa com a cena, por isso houve a exclusão. “Nós analisamos de volta a cena, pois ela estava a mais mesmo. Era um momento estranho, um momento realmente estranho, em que Christoph o beija. Nós adoramos na hora que fizemos. Mas o público dos primeiros testes ficou perplexo. No final, sentimos que a cena era inteligente mas estava sobrecarregada.”

 

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA