Johnny Depp e ministro australiano trocam farpas sobre cachorros

Ator e político da Austrália estão numa briga desde que a esposa do astro levou ao país seus dois cães sem considerar o rígido regulamento da ilha-continente sobre quarentena

por AFP 25/05/2016 09:46

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
A guerra verbal entre Johnny Depp e um membro do governo australiano pelo assunto dos yorkshire terriers do ator foi retomada com maior intensidade depois que o ministro Barnaby Joyce ridicularizou nesta quarta-feira o astro do cinema.

Os dois homens trocam farpas desde que Depp e sua esposa Amber Heard levaram à Austrália em 2015 seus dois cachorros, Pistol e Boo, sem considerar o rígido regulamento da ilha-continente sobre a quarentena.
AFP/Divulgação
Discussão entre ator e um membro do governo australiano pelo assunto dos yorkshire terriers de Depp foi retomada (foto: AFP/Divulgação)

Na época, Joyce, ministro da Agricultura, ameaçou sacrificar os animais se eles não fossem devolvidos aos Estados Unidos.

Johnny Depp não pôde evitar contra-atacar na noite de terça-feira durante um programa de entrevistas nos Estados Unidos, onde afirmou que Joyce "parecia ser o resultado de um cruzamento com um tomate".

"Não é uma crítica, eu só estava preocupado... ele pode explodir", acrescentou o ator.
O ministro respondeu: "Estou me tornando o Hannibal Lecter de Johnny Depp, estou dentro de sua cabeça (...). Muito tempo depois de tê-lo esquecido, ele sempre se lembra de mim", disse aos jornalistas em Tamworth, no sul da Austrália.

"Continue fazendo propaganda de mim, Johnny. Os australianos sabem que fizemos a coisa certa", acrescentou o ministro em plena campanha.

A Austrália tem uma lei muito rígida no que se refere à entrada no país de animais para evitar a propagação de doenças. Os gatos e cachorros provenientes dos Estados Unidos são submetidos a dez dias de quarentena.

"Não podemos deixar que a raiva entre no país", declarou o ministro ao evocar a entrada ilegal dos dois cachorros. "Quem ele pensa que é?", perguntou referindo-se a Depp.

A presença dos cães do casal foi revelada quando foram levados a um petshop, muito depois de sua chegada ao país. Mas os atores deixaram a Austrália rapidamente após as ameaças das autoridades.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA