Diretora de longa brasileiro sobre gravidez faz vídeo como resposta a insultos

Após comentários agressivos na página de seu longa 'Olmo e a gaivota', Petra Costa lança a campanha "Meu corpo, minhas regras" e ganha apoio na internet

por Estado de Minas 03/11/2015 14:42

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Olmo e a gaivota/Reproducao
Cena do filme 'Olmo e a gaivota', de Petra Costa e Lea Glo. Atriz italiana Olivia Corsini e o ator francês Serge Nicolaï (foto: Olmo e a gaivota/Reproducao )


Como estratégia de divulgação do documentário Olmo e a gaivota a diretora Petra Costa lançou na rede o vídeo protesto “Meu Corpo, Minhas Regras”. Na campanha, os atores Bruna Linzmeyer, Barbara Raquel Paz, Johnny Massaro, Fernando Alves Pinto, Ricardo Targino, Alexandre Borges, Julia Lemmertz, Mumu, Nanda Costa, Gus Machado e Julia Bernat aparecem caracterizados como a protagonista do longa, a atriz Olivia Corsini. É uma defesa feminina do poder de decisão que a mulher tem sobre o próprio corpo.

 

De acordo com o Facebook oficial do filme, o vídeo foi feito em resposta a agressões verbais registradas na mesma rede social em ataque ao discurso feito pela diretora durante a premiação no Festival do Rio. Ao receber o troféu pela obra, Petra dedicou o prêmio “às mulheres, no desejo de que nenhuma mulher brasileira seja vítima do machismo, físico ou verbal, e que toda mulher possa ter soberania sobre o próprio corpo”.

 

 

 

Olmo e a gaivota, que estreia na próxima quinta (05),  é o segundo documentário dirigido por Petra Costa, que nasceu em Belo Horizonte, em parceria com Lea Glob. No primeiro, Elena (2012), contou a história da própria irmã. Da mesma forma, também lançou na rede um vídeo de divulgação que rapidamente viralizou. Nele, atores como Alexandre Borges, Júlia Lemmertz, Letícia Sabatella, Fernando Alves Pinto, Wagner Moura também davam seus depoimentos sobre o quão incrível era a protagonista. O vídeo Quem é Elena? Teve mais de 700 mil visualizações no canal oficial do longa no YouTube.

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA