Daniel Craig prefere ''cortar os pulsos'' a voltar a ser James Bond e aconselha sucessor: ''não seja merda''

''Se eu fizer mais um filme do Bond, seria apenas pelo dinheiro'', admite ator britânico

08/10/2015 16:12

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

 

Daniel Craig volta às telonas no papel de James Bond em Spectre — que estreia no Brasil em 5 de novembro —, mas se depender do humor atual do ator britânico, esta poderia ser a última vez. Questionado sobre voltar ao papel em entrevista à revista britânica TimeOut, ele foi direto: ''Eu preferia quebrar esse copo e cortar meus pulsos".

Sony Pictures/Divulgação
Sem querer pensar na volta ao papel, Daniel Craig diz que não se importa com quem ocupará seu posto na série de filmes e não tem interesse em acompanhar adaptação do novato (foto: Sony Pictures/Divulgação)
Craig, de 47 anos, diz que já superou o personagem e precisa de novidades. "Tudo o que eu quero é seguir em frente", declarou à publicação. O astro britânico, contudo, ressalta que estes sentimentos são por agora e não garante que deixará de vestir o terno de 007 até o próximo longa.

 

Relembre todos os atores que já viveram James Bond nos cinemas

 

"Ainda não pensei a respeito direito. Por pelo menos um ano ou dois, não quero pensar nisso. Não sei qual é o próximo passo, nem tenho ideia", ele diz. E jura que não se trata de chantagem com os fãs: "Não é porque estou sendo manhoso. Quem sabe? No momento, encerramos o trabalho e não estou em discussão com ninguém sobre nada", admitiu.

 

"Se eu fizer mais um filme do Bond, seria apenas pelo dinheiro", assume Daniel na mesma entrevista. Há uma década na pele do agente secreto com licença para matar, o galã não quer saber de quem o sucederá no papel. "Não me importo. Boa sorte a quem seja".

 

Tampouco está nos planos de Craig acompanhar de perto a adaptação do próximo ator à franquia: "Imagine como seria deplorável? 'Olha, Daniel Craig está no estúdio de novo!'. Não".

 

Sobre qual conselho daria ao ator ou atriz que pensa em aceitar o convite para viver a próxima encarnação de 007, o artista britânico é enfático. "Diria duas coisas. Primeiro, é sua decisão. Não escute mais ninguém", ele diz. "E não seja uma merda! Você tem que ser bom. As pessoas já não fazem filmes como esse, é algo muito raro atualmente, então não seja uma merda".

Sony Pictures/Divulgação
Contratado há 10 anos pela franquia, Craig estreou no papel em 'Casino Royale' (2006) (foto: Sony Pictures/Divulgação)

 



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA