Primeiro filme original do Netflix quer conquistar Veneza

'Beasts of no nation' estreia em 16 de outubro e aborda conflitos civis na África

por AFP - Agence France-Presse 05/09/2015 14:50

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Divulgação
(foto: Divulgação)
O primeiro filme produzido pelo Netflix, "Beasts of No Nation", sobre crianças soldados na África, quer levar este ano o Leão de Ouro do Festival de Veneza. O filme, de Cary Fukunaga, que mostra a dura realidade destas crianças através do olhar de um adolescente africano, poderá ser assistido a partir da estreia, em outubro.


O fato de a plataforma americana de TV e cinema pela internet ter conseguido levar seu primeiro filme para o festival mais antigo do mundo representa um giro para uma indústria sacudida por novos modelos econômicos. Alberto Barbera, diretor da mostra, afirma que não exitou em incluir o filme entre os 21 da competição oficial, alegando que os serviços de difusão pela internet estão se tornando uma fonte de financiamento que não pode ser ignorada.

Os grandes distribuidores americanos se mostraram menos abertos do que Barbera e se negaram a exibir o filme, por considerarem que sua divulgação simultânea na internet ameaça o futuro das salas de cinema.


As imagens fortes do filme teriam limitado, de qualquer forma, sua exibição aos cinemas independentes, mas o problema pode ser maior para os distribuidores clássicos, à medida que aumentarem as produções das plataformas pela internet.


O Netflix assinou um contrato de quatro filmes com Adam Sandler, e produziu uma sequência de "O Tigre e o Dragão", filme de Ang Lee que teve grande sucesso em 2000. 


Já o Amazon Prime, serviço de streaming da gigante do comércio eletrônico, encarregou Spike Lee de dirigir "Chiraq", uma comédia musical sobre a criminalidade em Chicago.  A estreia está marcada para o dia 16 em todos os países em que o serviço opera.

A trama aborda a infância de um garoto, obrigado a conviver em meio à guerra civil na África. Após ter a família dizimada, Agu é obrigado a se tornar um soldado e lutar em um batalhão de mercenários.

Confira o primeiro trailer, liberado pelo Netflix:
 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA