Brad Pitt será general dos EUA em sátira da Netflix sobre guerra no Afeganistão

Filme produzido pelo serviço de streaming, 'War machine' é descrito como ''comédia satírica'' e tem estreia marcada para 2016

por Agência Estado Fernanda Machado 08/06/2015 20:41

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
REUTERS/Mario Anzuoni/Files
(foto: REUTERS/Mario Anzuoni/Files)
Brad Pitt é o novo alvo da Netflix, serviço de vídeos sob demanda. A companhia anunciou nesta segunda-feira, 8, que acertou a contratação do ator para interpretar o protagonista no filme 'War machine' (Máquina de guerra), cujo lançamento está previsto para 2016, na plataforma de streaming e em cinemas selecionados.

Pitt será general Stanley McChrystal, uma figura icônica do exército norte-americano no Afeganistão, conhecido por ser implacável e um tanto controverso. O filme será baseado no livro 'The operators: The wild and terrifying inside story of America's war in Afghanistan', uma biografia publicada por Michael Hastings.

"Estamos muito emocionados em ser parte deste compromisso inspirador da Netflix para produzir conteúdo de vanguarda e exibi-lo a uma audiência mundial", declarou Pitt. O filme foi descrito como uma provocadora comédia satírica.

Hastings foi o autor de uma reportagem publicada pela revista norte-americana Rolling Stone, no período no qual McChrystal era comandante da Força Internacional de Assistência para Segurança da OTAN. O artigo retratava o desprezo do militar com funcionários civis, entre outras peculiaridades, e culminou com o afastamento de McChrystal

Hastings, por sua vez, morreu em 2013, aos 33 anos de idade, em um acidente de automobilístico de circunstâncias desconhecidas. O filme será dirigido e roteirizado por David Michôd, mesmas funções exercidas por ele em The Rover: A Caçada.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA